Carregando

O que é uroginecologia: saiba tudo sobre essa especialidade

Algumas mulheres cuidam da saúde visitando o ginecologista anualmente e fazendo os exames necessários. Mas nem todas as pacientes sabem o que é uroginecologia e a importância dessa especialidade.

Fique ligado, pois se trata de uma ótima área de trabalho para quem tem interesse em atuar no cuidado com as mulheres. Se esse é o seu caso, acompanhe essa publicação e saiba tudo sobre o assunto!

O que é uroginecologia?

A uroginecologia é a área da Medicina que estuda o trato urinário baixo, bexiga e uretra, e a relação desses órgãos com o intestino, reto, útero e músculos. Ou seja, os médicos formados nessa especialidade cuidam da saúde da região pélvica da mulher.

Os profissionais uroginecologistas são indicados para diagnosticar e tratar as seguintes situações:

  • Infecções do sistema urinário;
  • Incontinência urinária ou fecal;
  • Flacidez vaginal;
  • Vulvodínia, que se caracteriza por dor, irritação ou vermelhidão na vulva;
  • Prolapso genital;
  • Útero e bexiga caídos;
  • Dor pélvica durante contato íntimo.

Esses especialistas também determinam o tratamento mais adequado, com base em vários exames laboratoriais e de imagem. As consultas podem ser feitas diretamente com os uroginecologistas ou por meio de encaminhamento feito por outro médico.

Como é o mercado de trabalho para o uroginecologista?

o que é uroginecologia imagem ilustrativa
Conheça mais sobre a uroginecologia

Agora que você já sabe o que é uroginecologia e o que um profissional especializado nessa área faz, vamos entender se dá pra construir uma carreira bacana nessa área e onde você pode trabalhar com esse conhecimento.

Felizmente, quem estudar uroginecologia encontra boas oportunidades de crescimento. Isso porque como se trata de algo bastante específico, a procura das pacientes é bem alta. O profissional também pode estender o atendimento a mulheres grávidas e puérperas, ampliando ainda mais a possibilidade de atuação.

Você pode atuar tanto em consultório próprio quanto trabalhar para alguma instituição que tenha demanda para a especialidade, seja pública ou particular.

Como se especializar na área?

Bom, se essa opção de carreira chamou a sua atenção, você tem dois caminhos: cursar uma pós-graduação ou fazer uma residência médica na área.

Pra isso, o primeiro passo é completar a graduação em Medicina. Depois, é necessário fazer a residência médica em Ginecologia e Obstetrícia, especialidade de acesso direto com duração de 3 anos, e então fazer um ano de fellowship (complementação especializada) em Uroginecologia e Disfunções do Assoalho Pélvico. Ainda é possível estudar mais alguns anos pra se especializar em cirurgia e ampliar ainda mais o campo de atuação.

O processo seletivo para as residências é como os outros: prova teórica e prática, entrevista e análise de currículo (lembrando que algumas instituições pulam parte dessas etapas). Durante a residência, o profissional adquire uma experiência bem rica que vai trazer a capacitação necessária para atuar na área, acompanhando o tratamento de pacientes, realizando exames e diagnósticos, tudo sob supervisão.

Além disso, rolam as conhecidas horas de plantão necessárias para concluir a formação. Vale também participar de pesquisas, congressos e outros eventos relacionados à área, pra enriquecer o aprendizado e construir um bom network.

Curtiu saber o que é uroginecologia e o que é preciso pra trabalhar com isso?

Bom, você já devia esperar que ainda tem alguns anos de estudos pela frente antes de realmente começar a atuar como uroginecologista, certo? Mas, certamente todo esse esforço vai ser recompensador.

No momento, vamos pensar no primeiro passo, que é a residência. Aproveite então para dar uma olhada na Academia Medway e nos materiais gratuitos que oferecemos por lá. Tem até mesmo o Guia Definitivo da Residência Médica na Unifesp, para quem quer estudar nessa instituição super renomada.

Não perde mais tempo, não! Vale a pena também conhecer os Extensivos da Medway, nossos cursos que oferecem uma preparação completa com duração variável de acordo com a sua realidade: você pode estudar em um ou dois anos! Dê uma olhada e inscreva-se!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoãoVitor

João Vitor

Capixaba, nascido em 90. Graduado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e com formação em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HC-FMUSP) e Administração em Saúde pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Apaixonado por aprender e ensinar.