Carregando

5 dicas de como estudar on-line para a residência médica

Muitas pessoas preferem estudar presencialmente para ter mais proximidade com o professor e contar com um espaço único para os estudos. Por outro lado, a modalidade à distância facilita o aprendizado multimídia. Se você ainda não sabe como estudar on-line para a residência médica, preparamos dicas especiais!

Ao optar por estudar on-line, você pode fazer seu próprio cronograma, organizando as aulas de acordo com a rotina profissional e a vida pessoal. Mesmo com a distância física, a possibilidade de comunicação com os professores se mantém, e ainda há materiais de apoio ao conteúdo. Confira mais a seguir.

1. Mantenha-se organizado

Quando os estudantes pensam em como estudar on-line para residência, uma das primeiras dúvidas que surgem é em relação à organização. Sem a presença do professor, muitos não sabem por onde começar nem se sentem motivados a realizar as atividades. 

Uma das soluções para esse problema é a montagem de um plano de estudos. Essa ferramenta consiste na distribuição do tempo disponível em uma tabela, que orienta e otimiza a rotina do aluno. Com ela, antes mesmo de começar o dia, você já sabe as tarefas que precisa realizar. 

Outro método de organização é a utilização de aplicativos que funcionam como lembretes para as atividades e os simulados. Dessa forma, as chances de esquecer prazos é menor, sendo possível se planejar para a realização de todos os itens do plano de estudos. 

2. Faça um planejamento

O planejamento é outro aspecto importante em como estudar on-line. Talvez, você esteja se perguntando qual é a diferença entre organização e planejamento. Enquanto o primeiro te orienta e mostra a urgência das tarefas diárias, o segundo estabelece o caminho a ser realizado a longo prazo. 

Nos estudos para a residência médica, esse conceito se reflete em práticas como a separação de dias para a realização de simulados, provas antigas, revisão de conteúdos ou o estabelecimento de metas a serem atingidas, como, por exemplo, planejar uma prova a cada 15 dias. 

Unir planejamento e organização é uma forma de disciplinar o estudo. Assim, você sabe quando fazer cada tarefa para atingir objetivos maiores. 

3. Tenha um local específico para os estudos

O home office já era uma tendência crescente nos últimos anos, mas com a pandemia de COVID-19, estar em casa virou algo inevitável. Contudo, só estar em casa não é suficiente para quem está pensando em como estudar on-line. É preciso saber dividir os ambientes para ter um bom aproveitamento.  

A dica é não estudar nos cômodos de lazer e descanso, como o quarto e a sala. A menos que você não tenha outra opção, evite ficar próximo da cama e do sofá, áreas que podem levar à procrastinação e à vontade de aumentar as pausas entre os períodos de estudo. 

Essa separação de ambientes auxilia na concentração, pois traz a ideia de que você está ali, no seu local de estudo, para produzir conhecimento e fixar o aprendizado. 

4. Providencie uma estrutura para os estudos

Para fazer um curso on-line e estudar à distância, é necessário ter uma estrutura que vai além do espaço separado na residência. Inicialmente, você precisa ter um computador ou um celular conectado à internet, que possa armazenar arquivos e carregar vídeos, assim como um fone de ouvido, para diminuir o barulho externo. 

Certifique-se de que a conexão com a internet está estável, evitando problemas de acesso à plataforma do curso. Caso seja necessário, utilize outro ponto de acesso, como uma rede privada do plano de dados do celular. 

A estrutura de estudos também se baseia na organização de um espaço confortável para comportar o computador e o caderno. Afinal, muitos alunos ainda preferem acompanhar as videoaulas fazendo rascunhos e elaborando mapas mentais físicos. 

5. Escolha um curso para residência

Estudar on-line não precisa ser sinônimo de estar sozinho! Muitos alunos desanimam da ideia de estudar em casa pelo receio de não manter uma rotina ou por terem bloqueios que os impedem de realizar as atividades de preparação para a residência. 

Porém, esse não precisa ser o seu caso! Existem diversos cursos para residência com conteúdos programáticos diferentes e que atendem a diversas necessidades. Se você tem dificuldades com a organização do estudo, uma mentoria pode ser a solução, por exemplo. 

Em outros casos, a organização já está em dia, mas a dificuldade é na seleção dos conteúdos que podem cair nas provas. Para isso, os cursos preparatórios intensivos e extensivos são opções recorrentes dos estudantes. 

Nossos cursos

Oferecemos o apoio necessário para você se preparar para as provas de residência médica. Com a mentoria e os cursos intensivos e extensivos, os conteúdos são direcionados e semelhantes ao que será pedido nos processos seletivos. Assim, o estudo é otimizado, e as chances de aprovação aumentam. 

A metodologia padrão-ouro dos cursos conta com videoaulas gravadas e ao vivo, apostila digital, aplicativo exclusivo com questões comentadas por especialistas, suporte para dúvidas e simulados com questões originais. 

Tenha todo o suporte para estudar on-line com a gente!

Agora que você já sabe como estudar on-line, que tal conhecer os cursos preparatórios para residência médica? Com a gente, você estuda tudo o que é necessário e tem materiais exclusivos que te ajudam a ser aprovado nas provas.

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
DjonMachado

Djon Machado

Catarinense e médico desde 2015, Djon é formado pela UFSC, fez residência em Clínica Médica na Unicamp e faz parte do time de Medicina Preventiva da Medway. É fissurado por didática e pela criação de novas formas de enxergar a medicina.