O que mais cai no PSU-MG? Confira os assuntos mais cobrados!

Conteúdo / Residência Médica / O que mais cai no PSU-MG? Confira os assuntos mais cobrados!

O Processo Seletivo Unificado realizado pela Associação de Apoio à Residência Médica de Minas Gerais (AREMG) é o maior concurso da região Sudeste. E conta também com o maior número de instituições participantes, sabia? Por aí, dá para ver que a concorrência é grande e por isso é fundamental saber o que mais cai no PSU-MG.

Essa é uma maneira de direcionar seus estudos para o que realmente importa. Afinal, cobrir cada detalhe das disciplinas é praticamente inviável. Além disso, todo mundo sabe que as bancas das provas de residência têm suas preferências, e isso ajuda até mesmo na interpretação de questões e avaliação de alternativas e enunciados.

Para te ajudar nessa, a gente preparou uma análise completa das provas do PSU-MG dos últimos 5 anos. Assim, você descobre assuntos e temas de maior recorrência e pode se preparar melhor, mirando no que é certeza de que será cobrado. Vamos lá?

Confira o que mais cai no PSU-MG por especialidade

A prova da primeira etapa da residência médica de acesso direto do PSU-MG tem 100 questões objetivas e valor de 90 pontos. Ou seja, representa a maior parte da nota total do processo seletivo.

É conhecida por ter um nível de dificuldade médio, com enunciados que não são muito extensos e um conteúdo pouco cansativo. Agora, veja o que mais cai no PSU-MG por especialidade e descubra o que e como estudar!

Clínica Médica

Na prova de Clínica Médica, a Nefrologia está presente em 13,86% das questões, então, fique esperto. Os outros temas mais cobrados são a Infectologia, a Cardiologia, a Pneumologia e a Endocrinologia.

Uma surpresa nos últimos anos é a presença de questões sobre acidentes com animais peçonhentos. Então, vale a pena dar uma olhadinha nesse tópico só para não arriscar chegar sem saber nada.

No entanto, os assuntos mais cobrados são bem tradicionais e com certeza estarão presentes nas questões, já que são os queridinhos da banca. O top 5 é o seguinte:

  • distúrbios hidroeletrolíticos e acidobásicos;
  • embolia pulmonar;
  • abuso de substâncias;
  • atenção básica;
  • diabetes;
  • artrite.

Cirurgia Geral

Na prova de Cirurgia Geral, o que mais cai no PSU-MG são questões voltadas para a própria especialidade. Entretanto, o Trauma, a Gastroenterologia, a Cirurgia do Aparelho Digestivo e a Cirurgia Plástica são outros entre os temas mais recorrentes.

É importante estudar um pouco sobre distúrbios hidroeletrolíticos, como hipernatremia, hiponatremia e hipercalemia. A banca também curte cobrar ATLS em pelo menos uma questão, assim como cicatrização de feridas e câncer de pele.

No entanto, esses são apenas assuntos que podem aparecer vez ou outra. O que você vai encontrar majoritariamente em sua prova e que deve fazer parte de seus estudos sem demora está aqui:

  • cuidados pós-operatórios;
  • cuidados pré-operatórios;
  • abordagem inicial (ABCDE);
  • tumores gastrointestinais;
  • trauma abdominal.

Ginecologia e Obstetrícia

Para a Ginecologia e Obstetrícia, saiba que 21,56% das questões das últimas provas tratam de Ginecologia Endócrina. As doenças clínicas na gestação também são muito presentes, assim como sangramento na gestação e puerpério, parto e colo uterino.

O cisto de ovário também aparece vez ou outra. Na parte de Obstetrícia, em especial, você pode se deparar com questões sobre cardiotocografia, incompatibilidade Rh e abortamento.

Mas, e aí, quais são os top 5 assuntos mais cobrados nessa especialidade? Anote aí para que nenhum passe em branco no seu cronograma de estudos:

  • contracepção;
  • indução e condução do trabalho de parto;
  • tumores do colo uterino;
  • distúrbios hipertensivos na gravidez;
  • climatério.

Pediatria

Como não poderia ser diferente e seguindo a tendência de boa parte das instituições, a Pediatria traz muitas questões voltadas para a Infectologia. No PSU-MG, 17,82% das questões estão voltadas para o tema.

A Neonatologia vem em seguida, e a Gastroenterologia, a Hematologia e Otorrinolaringologia completam essa lista. Se puder, revise o manejo de RN contactante de tuberculose e ITU, assim como alergia ao leite de vaca e DRGE, que costumam aparecer eventualmente.

Mas não há dúvidas de que as infecções de vias aéreas são campeãs nos assuntos que mais caem nessa prova. Veja só o top 5 como fica:

  • nariz, ouvido e laringe;
  • intestino;
  • anemias e hemoglobinopatias;
  • pneumonias;
  • nutrição na pediatria.

Preventiva

Na prova de Preventiva não tem nem como esperar outra coisa. O Sistema Único de Saúde é campeão de recorrência nas questões, com 28,43%. A Vigilância Epidemiológica quase empata, com 27,45% de frequência.

Entre os temas mais comuns ainda podemos citar a Epidemiologia, os testes diagnósticos e as medidas coletivas de saúde. Em relação aos assuntos, a declaração de óbito sempre aparece, da mesma forma que a atenção primária.

No top 5, infelizmente, não vai dar para fugir da estatística, mas há outros assuntos igualmente importantes para dar atenção. Ele se constitui da seguinte maneira:

  • vigilância em saúde do trabalhador;
  • a evolução do SUS;
  • aspectos históricos do SUS;
  • estudos epidemiológicos (classificação);
  • estudos epidemiológicos (análise estatísticas e aplicação).

Tá pronto pra estudar o que mais cai no PSU-MG?

É isso aí! Depois de passar na primeira etapa do processo seletivo, você terá que encarar a análise de currículo. Não há prova de segunda fase e nem entrevista, mas isso não significa que você pode dar mole. Desenvolva um bom documento e não deixe de cumprir todas as exigências descritas em edital.

Para te ajudar ainda mais a se preparar para a prova do PSU-MG, a gente já contou aqui tudo sobre como a prova funciona. E ainda explicou em mais detalhes sobre o que rola no programa. Vale a pena dar uma olhada, porque além de dominar o conteúdo, entender as informações mais burocráticas também faz a diferença na sua aprovação.

E agora que você já sabe o que mais cai no PSU-MG, tá pronto para começar a estudar e mandar bem no dia da prova? Se sim, mãos à obra, porque o ideal é iniciar a preparação com o máximo de antecedência.

E se não, fique de boa, porque com a Medway você consegue se dedicar e conquistar a vaga dos seus sonhos. Confira nosso Guia Estatístico do PSU-MG para mais dicas.

Ana CarolinaAlcântara

Ana Carolina Alcântara

Cearense, nascida em Fortaleza em 1994 e formada em Medicina em 2019. Residência em Clínica Médica no Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara. Apaixonada pela oportunidade de contribuir para a educação médica a partir da melhoria dos métodos de ensino e do estímulo ao desenvolvimento de novas habilidades dentro e fora da medicina. Siga no Instagram: @acbalcantara