O que não pode e o que pode levar na prova de residência da Unifesp?

Você se preparou para a prova de residência médica da Unifesp que acontece neste domingo (05/12)? Se você está por aqui, imagino que sim. Bom, depois de toda essa jornada, não dá pra deixar alguma coisa boba passar no dia da prova, não é? Por isso, estamos aqui para alguns últimos lembretes do que você pode levar na prova de residência médica da Unifesp.

É normal que no pré-prova você não tenha tão claro na cabeça tudo que você precisa levar – são várias provas, cada uma com seus próprios detalhes para lembrar, então, não se sinta mal! Para te ajudar um pouco com esse peso, reunimos aqui tudo que você não pode esquecer no grande dia para quem quer ser R1 na Unifesp no ano que vem. Vem com a gente!

O que pode e o que não pode levar na prova de residência médica da Unifesp

Prova teórica

O dia da prova teórica está logo aí, então bora ficar atento ao que você precisa levar neste dia antes de ir ao local da prova! Já deixa tudo prontinho no dia anterior!

Vamos começar pela caneta! Não importa o que os vendedores de caneta vão te dizer no portão da prova – o que vale é o que está no edital, e lá a regra é clara: caneta esferográfica de tinta preta ou azul de material transparente! Além da caneta, você precisa estar munido de lápis preto nº 2  e borracha. Já vai separando as canetas e deixando seus lápis bem apontados, hein?

O edital também indica quais são os documentos originais que você vai precisar apresentar na hora de fazer a prova. Você deve apresentar ao menos um deles e é obrigatório que ele esteja em perfeitas condições, de forma a permitir a sua identificação com clareza. Esta é a lista dos que você pode levar:

  • Carteira ou Cédula de Identidade expedida pela Secretaria de Segurança Pública, pelas Forças Armadas, pela Polícia Militar, pelo Ministério das Relações Exteriores;
  • Cédula de Identidade para Estrangeiros, Cédula de Identidade fornecida por Órgãos ou Conselhos de Classe que, por força de Lei Federal valem como documento de identidade;
  • Certificado de Reservista;
  • Passaporte;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social;
  • Carteira Nacional de Habilitação (com fotografia na forma da Lei nº 9.503/97);

Outro item importante que é sempre de bom tom levar é o comprovante de pagamento da taxa de inscrição e algum outro comprovante de inscrição. Isso não é obrigatório, mas, se der alguma “zica”, você pode se resguardar.

O próprio edital de residência médica da Unifesp 2022 prevê isso, dizendo que, no dia da prova, na hipótese de o nome do candidato não constar nas listagens oficiais, a instituição aplicadora vai proceder com a inclusão do candidato, mediante a apresentação do comprovante de pagamento até a data limite fixada pelo Edital. Trata-se de uma inclusão realizada de forma condicional e será analisada pela Unifesp com o intuito de se verificar a pertinência da inscrição.

Agora bora para outro tema importante: o que você não deve levar no dia da sua prova. Não preciso nem dizer que celulares e qualquer tipo de equipamento eletrônico ou de comunicação (tablets, relógios, agendas eletrônicas, pagers etc) são proibidos, não é? Mas esses outros itens aqui também são:

  • Protetores auriculares
  • boné ou chapéu de qualquer espécie
  • Roupa ou adereço que identifique a escola de origem
  • Algum tipo de arma

Prova multimídia

As regras para quem vai fazer a prova multimídia, que compõe a segunda fase do processo seletivo de residência médica da Unifesp, são um pouco semelhantes às da primeira fase: é obrigatória a apresentação de um documento de identificação (nos mesmos termos que falamos ali em cima na parte da prova teórica.

Além disso, não pode:

  • Equipamentos eletrônicos ou de comunicação (tablets, relógios, agendas eletrônicas, pagers etc)
  • Protetores auriculares
  • Boné ou chapéu de qualquer espécie
  • Roupa ou adereço que identifique a escola de origem

Entrevista e análise curricular

Novamente, as regras são similares. O ponto de atenção, no entanto, são os documentos que você precisa levar para comprovar o seu currículo. Vamos à lista:

  • Documento de identificação em perfeitas condições, seguindo os termos que já falamos anteriormente
  • Histórico Escolar, no qual constem as notas obtidas durante o Curso Médico;
  • Curriculum vitae contendo anexo uma foto 3×4 recente e colorida

Vale lembrar que, em vista do número de candidatos ou estratégia de trabalho de cada programa de residência médica da Unifesp, os currículos podem ser solicitados com antecedência para análise formal, então é preciso ficar atento ao site do processo seletivo, ok?

O edital também reforça que vai ser automaticamente excluído do processo seletivo de residência médica o candidato que estiver portando algum tipo de arma no dia da entrevista.

E se você quiser ter um currículo padrão-ouro para apresentar para a banca, acesse já o nosso e-book gratuito com todas as dicas sobre o que realmente vale na hora da arguição. É só acessar aqui!

Sobre os locais da prova

Este ano (2021), a prova de residência médica da Unifesp, na primeira fase, vai acontecer nos seguintes locais:

  • UNIP – CAMPUS MARQUES DE SÃO VICENTE: Avenida Marques De São Vicente, 3001 – Água Branca – São Paulo – SP
  • CENTRO UNIVERSITÁRIO ANHANGUERA – CAMPUS MARTE: Rua Comendador Joaquim Monteiro, 42  – Santana – São Paulo – SP

A Unifesp divulgou no site da Vunesp a lista de candidatos convocados para cada um dos locais de prova. Se você ainda estiver em dúvidas sobre qual é o seu, já dá uma olhada aqui.

Os endereços da prova multimídia e entrevistas ainda não foram divulgados, mas, assim que forem, traremos mais dicas aqui no blog!

Como chegar

Independentemente do local em que você for fazer a prova de residência médica da Unifesp, lembre-se de que, aos domingos, o transporte público costuma funcionar com velocidade reduzida e intervalos maiores, então programe-se para sair de casa com bastante antecedência, certo?

UNIP – Campus Marques de São Vicente

Este campus da Unip fica localizado na região da Barra Funda, na Zona Oeste de São Paulo. As principais formas de acesso são principalmente por meio do Terminal Barra Funda e da estação Barra Funda (Linha 3 – Vermelha do Metrô e Linhas 7 e 8 do trem da CPTM) – mas fique atento, pois ainda tem mais uns 15 minutos de caminhada do Terminal ou da estação de metrô até o local de prova, hein?

Centro Universitário Anhanguera – Campus Marte

Este campus do Centro Universitário Anhanguera fica localizado na região de Santana, na Zona Norte de São Paulo. A principal forma de acesso é pela estação Santana, da Linha 1 – Azul do Metrô. Descendo lá, você ainda precisa andar, em média, mais uns 10 minutinhos.

Notas de corte de residência médica da Unifesp

Se você está se perguntando isso agora que o dia da prova está chegando, fica tranquilo, pois trouxemos aqui para você quais foram as notas de corte de todas as especialidades de acesso direto no processo seletivo de residência médica da Unifesp 2021! Confere AQUI.

Normas de proteção na pandemia

O edital de residência médica da Unifesp 2022 não especifica nada em relação às medidas sanitárias de prevenção da Covid-19, de qualquer forma, ainda é obrigatório o uso de máscaras em ambientes fechados em todo o estado de São Paulo.

Além disso, recomendamos que você, além de levar máscaras adicionais para trocar durante a prova. Leve também álcool 70% e sua própria garrafa d’água – não tem sido permitido o uso dos bebedouros se não for para abastecer as garrafas.

Se preparando para a residência?

Caso você ainda esteja firme na preparação para a residência médica, que tal acompanhar todas as informações dessa reta final com a Medway? Por aqui, estamos cobrindo as principais provas do Brasil. Por este link, você consegue acompanhar nossas lives de dicas, apostas e correções de instituições de dentro e fora do estado de São Paulo.

Mas se ainda não é o suficiente, você sempre tem a opção de começar o Intensivo São Paulo, nosso curso completamente focado para quem está de olho na preparação para a reta final das provas do estado. Para cada uma das instituições do curso, são 40 aulas específicas para afinar seu conhecimento e ter direcionamento no fim da preparação. Clique aqui e conheça!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoanaRezende

Joana Rezende

Carioca da gema, nasceu em 93 e formou-se Pediatra pela UFRJ em 2019. No mesmo ano, prestou novo concurso de Residência Médica e foi aprovada em Neurologia no HCFMUSP, porém, não ingressou. Acredita firmemente que a vida não tem só um caminho certo e, por isso, desde então trabalha com suas duas grandes paixões: o ensino e a medicina.