Carregando

Bolsa de residência médica: haverá aumento em 2022?

Hoje viemos falar de uma novidade que vai deixar os residentes e futuros residentes animados: o aumento da bolsa de residência médica, que foi anunciado no dia 15 de agosto dentro do Plano Nacional de Fortalecimento das Residências em Saúde e já deve começar a valer em 2022.

Bom, todo mundo sabe que a bolsa de residência médica, geralmente, não consegue bancar todas as nossas contas durante esse período. É claro, isso vai depender bastante da localização e do estilo de vida – já falamos um pouco aqui no blog sobre como se manter fazendo residência médica em São Paulo, por exemplo.

Ainda assim, é bem comum que os residentes busquem por plantões para complementar a renda durante a especialização, então um reajuste na bolsa de residência médica é sempre bem-vindo, não é? Vem com a gente, pois vamos te contar tudo o que já sabemos sobre esse assunto!

Aumento da bolsa de residência médica

O Ministério da Saúde anunciou no dia 15 de agosto o Plano Nacional de Fortalecimento das Residências em Saúde. Segundo o portal do Governo, o objetivo do plano é valorizar os profissionais da saúde e apoiar a abertura de novos programas de residência pelo país. Uma das ações previstas pelo projeto é justamente o aumento da bolsa de residência médica, que atualmente é de R$3.330,43. Com o reajuste de 24% anunciado, o valor pode chegar a R$4.129,73.

O valor anunciado pelo perfil oficial da Associação Nacional de Médicos Residentes é um pouquinho diferente. Em publicação feita pelo Instagram da associação, o reajuste apontado foi de 23,29%, o que resulta no aumento da bolsa de residência médica para R$4.106,09.

Além disso, o projeto também prevê a instituição de uma bolsa de R$1.500,00 para os supervisores dos programas. As ações visam não apenas as residências médicas, mas também miram os residentes multiprofissionais.

De acordo com a publicação do portal do Governo, o investimento total será de R$258 milhões e está dividido em 3 eixos a serem desenvolvidos em ciclos de 3 anos. Além de afetar as bolsas, o plano também busca aumentar a oferta de cursos, a quantidade de vagas para preceptores e a reativação e reestruturação de programas de residência.

No atual momento, o Dr. Luizinho, deputado pelo PP-RJ, criou um projeto de lei que propõe um aumento de 289% no valor das bolsas de residência médica, o que igualaria a quantia destas últimas ao que os médicos do programa “Médicos Pelo Brasil” recebem (R$11.865). A proposta já foi aprovada pela Comissão da Câmara e ainda precisa enfrentar mais algumas etapas para que seja, de fato, posta em prática. Passando pela Comissão de Finanças e Tributação da Câmara e pela Comissão de Constituição e Justiça, o projeto de lei vai para análise das comissões do Senado e não precisará encarar a votação no plenário.

Nós, da Medway, iremos ficar atentos e traremos tudo em primeira mão para que todos fiquem muito bem informados. Portanto, fique sempre de olho em nosso blog para não perder nada!

Quer ser um R1 no ano que vem?

Se você está sonhando com a residência médica, que tal ficar com a gente para umas dicas sobre a preparação para as provas de residência? Na Academia Medway você tem acesso a diversos conteúdos ricos que vão melhorar ainda mais a sua preparação. Você pode começar pelo e-book Os 15 bloqueios que te impedem de ser aprovado na residência e depois partir para os Guias Estatísticos, que tal?

Bora lá!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
AlexandreRemor

Alexandre Remor

Nascido em 1991, em Florianópolis, formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e com Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da FMUSP (HC-FMUSP) e Residência em Administração em Saúde no Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Fanático por novos aprendizados, empreendedorismo e administração.