Carregando

Os 3 hospitais mais concorridos para fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP

As escolhas que permeiam a trajetória até a residência não são fáceis — e não são poucas, também. A gente sempre ressalta a importância de tirar um tempo para pensar em questões como qual especialidade escolher ou onde cursar sua residência. No entanto, é possível que você já tenha feito essas duas escolhas, e sua dúvida seja mais específica do que isso. Talvez você saiba que quer fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP, mas ainda está pensando em qual hospital priorizar no leilão de vagas.

Bom, não vamos mentir pra você: essa especialidade não é das mais fáceis. No processo seletivo 2020/2021, a residência em Cirurgia Geral no SUS-SP foi a que apresentou maior crescimento de concorrência (de 14,7 para 26 candidatos por vaga!). Entretanto, isso não é motivo para desistir — afinal de contas, das 22 vagas, você só precisa de uma, né? 

E é pensando na sua aprovação que nós fizemos o post de hoje! Queremos te dar algumas informações para te ajudar a decidir onde vai se especializar quando chegar a sua hora no leilão de vagas. Pronto para conhecer melhor os 3 hospitais mais concorridos para a residência em Cirurgia Geral no SUS-SP? Então bora lá!

Hospital Santa Marcelina

Para quem acompanha essa série de textos, esse nome não deve ser nenhuma surpresa — tá todo mundo careca de saber da importância do Hospital Santa Marcelina. Porém, se você não está tão familiarizado assim, relaxa que a gente explica!

O Hospital Santa Marcelina, além de ser um dos mais tradicionais entre os do processo seletivo do SUS-SP — já são quase 60 anos de atuação —, oferece uma variedade de experiências para os residentes. E não por acaso, ele também é um dos hospitais mais concorridos em outras especialidades também, como Clínica Médica, Otorrino, GO e Neurologia!

Hospital Santa Marcelina, um dos mais concorridos para se fazer a residência em Cirurgia Geral no SUS-SP
Hospital Santa Marcelina

Em termos de tamanho e estrutura tecnológica, o Santa Marcelina também é destaque. Se sobressai como o principal hospital da zona leste que atende o SUS, com mais de 2 milhões de atendimentos e 8.739 cirurgias realizadas de janeiro a agosto de 2020. Muita coisa, né?

Outro ponto positivo do Hospital Santa Marcelina para quem quer fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP é o fato de ele oferecer uma formação completa, pois permite uma proximidade grande a residentes de outras especialidades clínicas. Ou seja: você pega mão e aprende muito, tanto na parte prática quanto na parte teórica e acadêmica.

Vale lembrar que a localização do Hospital Santa Marcelina pode ser um empecilho para alguns candidatos à residência em Cirurgia Geral no SUS-SP. Nem todo mundo está disposto a encarar a distância ou o tempo de locomoção de Itaquera para o centro e outras regiões importantes da capital, né? Pese esses fatores na hora da sua escolha!

Se você quer conhecer tudo sobre essa instituição, dá só uma olhada no nosso artigo. É só clicar abaixo!

Residência em Cirurgia Geral no SUS-SP: Santa Marcelina

Hospital Heliópolis

Agora é a vez do Hospital Heliópolis! Outro hospital que já tem muita história, passando dos 50 anos de atuação, tem também um dos programas de residência mais concorridos em Clínica Médica do SUS-SP. Motivo não falta!

Com uma estrutura muito completa e diversos recursos tecnológicos, o Hospital Heliópolis é um dos gigantes da Zona Sul de São Paulo, recebendo também pacientes de cidades próximas, já que fica próximo à região do ABC Paulista

Vista do Hospital Heliópolis, outro dos hospitais mais concorridos para se fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP
Hospital Heliópolis

Por conta disso, deu pra sacar que atendimento é o que não falta, né? Mensalmente, são realizados cerca de 12 mil atendimentos por lá. Além disso, o hospital possui 330 leitos, dos quais 94 são de Cirurgia Geral. Dá até um brilho nos olhos, né? Com toda essa estrutura, não tem erro: você vai pegar muita mão de tudo quanto é procedimento!

Apesar de a distância também poder ser um empecilho dependendo de onde você mora, o Hospital Heliópolis tem uma vizinhança de alta qualidade, que pode ser levada em consideração se você pensa em trocar ou buscar uma nova moradia. São Caetano do Sul, Santo André e São Bernardo são três ótimas opções, se apresentando como regiões de elevado IDH e custos mais em conta do que em certas regiões da capital!

Hospital do Mandaqui

O Conjunto Hospitalar do Mandaqui, mais conhecido somente como Hospital do Mandaqui, é nosso terceiro destaque. Isso se deve não apenas à sua tradição — já são admiráveis 82 anos de atuação —, mas também pela sua estrutura: são cerca de 450 leitos, além de 11 mil atendimentos por mês no PS e 12 mil no ambulatório.

O Hospital do Mandaqui, terceiro dos hospitais mais concorridos para a residência em Cirurgia Geral no SUS-SP
Hospital do Mandaqui

Tudo isso leva o Hospital do Mandaqui a ser considerado um dos destaques da Zona Norte de São Paulo, não só para a residência em Cirurgia Geral no SUS-SP, mas também para as de Clínica Médica, GO e Neurocirurgia, também.

Claro que a gente não tá aqui pra fazer publicidade, então vale ressaltar os pontos que podem pesar na escolha de vocês, certo? E não tem outra: a carga horária é bem puxada, especialmente nos primeiros semestres, muitas vezes ocupando praticamente o dia inteiro. Vai de cada um julgar se consegue conciliar essa rotina agitada com as outras tarefas do dia a dia, até porque muita gente trabalha para manter a renda. Contudo, se você vê tudo isso como só mais um obstáculo, então vai que é sua!

Bônus: Vila Alpina + Hospital Ipiranga

Vila Alpina

Nome novo nessa nova série de posts, o Hospital Estadual Vila Alpina (HEVA) não é dos mais tradicionais — mas nem por isso deixa a desejar.

Inaugurado em 2001, seu pronto-socorro funciona no modelo “porta aberta”, totalizando uma média de 15 mil atendimentos por mês. É um Hospital Geral de nível secundário, que presta assistência em Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia, Clínica Médica, Ortopedia e, claro, Cirurgia Geral, com capacidade operacional de 248 leitos.

Localizado na região sudeste de São Paulo, próximo a bairros como Vila Prudente, Sapobemba, São Lucas e Aricanduva, o Hospital Vila Alpina é responsável pelo atendimento de 75% das urgências e emergências nessa região. Vale considerar como opção, hein?

Hospital Ipiranga

E para finalizar, vamos falar do Hospital Ipiranga! Assim como outros dessa lista, ele também se destaca pela tradição e pela estrutura, com capacidade de atender um grande volume de casos.

Tudo isso faz com que o Hospital Ipiranga seja uma das principais opções para quem quer fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP! Muitos pacientes, grande volume de procedimentos, tradição, estrutura de peso… tudo o que o residente poderia pedir!

E tá aí! Ficou mais fácil decidir onde fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP?

Gostou de saber mais sobre os hospitais mais disputados para fazer residência em Cirurgia Geral no SUS-SP? Lembrando que a área também abre portas para subespecialidades, como a Cirurgia Pediátrica. Agora é hora de pesar os prós e contras para chegar decidido no leilão de vagas quando for a sua vez!

Como você sabe, a prova de residência médica do SUS-SP tem apenas uma fase, composta de uma prova teórica objetiva de múltipla escolha. Ou seja, você só vai ter uma chance de mostrar a que veio, então não dá pra ficar perdendo tempo nessa reta final estudando o que não vai cair, hein? Por isso, aqui vai uma dica! No nosso Guia Estatístico do SUS-SP, você fica por dentro dos principais temas e focos que mais caem na prova.

O Extensivo SP é o nosso curso que acontece ao longo do ano todo com videoaulas ao vivo sobre as 5 grandes áreas, oferecendo o conteúdo que você realmente precisa saber.

Além do material didático online e dos simulados das provas de SP, o Extensivo conta com um app que tem milhares de questões comentadas das principais instituições paulistas. É o preparo que você precisa para ganhar confiança e conquistar a tão sonhada aprovação!

Portanto, não perde tempo, hein? Dá uma conferida no site e garanta já sua inscrição!

Até a próxima!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
MicaelHamra

Micael Hamra

Nascido em 1991, médico desde 2015, formado pela Faculdade de Medicina de Catanduva (FAMECA) e com Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HC-FMUSP) finalizada em 2018. "Nunca quis seguir o fluxo. Sempre acreditei que existe uma fórmula do sucesso para cada um de nós. Se puder conquistar sua mente, poderá conquistar o mundo."