Carregando

Residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto: história, números e estrutura

Fala, pessoal! Hoje é dia de falar um pouco mais sobre a residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto. Escolher onde fazer residência é uma tarefa desafiadora para qualquer aluno de Medicina. Afinal, é uma grande responsabilidade estudar para fazer parte de uma grande instituição de nosso país. Além disso, também é fundamental pensar a respeito de outros detalhes, como a cidade em que você vai morar e o que a sua especialização tem a oferecer.

O complexo hospitalar da Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto tem reconhecimento internacional e a região na qual se localiza é excelente para quem deseja se aprofundar na área médica e se jogar de vez nos estudos. Ou seja, começamos bem, não é mesmo?

Mas com detalhes, é possível ficar ainda melhor. Portanto, continue a leitura deste artigo e confira mais informações sobre a instituição e o processo de residência! Quem sabe ela não é o lugar certo para você iniciar uma carreira de muito sucesso?

História

Antes de falar sobre a residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto, vale a pena conhecer mais a fundo a história da instituição para entender toda a jornada da qual você fará parte. Com mais de 50 anos de atividades, a Associação Portuguesa de Beneficência presta atendimentos a toda a população de Rio Preto e região.

Sua história começou em 1968, no Hospital Infante Dom Henrique da Beneficência Portuguesa, que era composto por um único e grande prédio dividido entre a área hospitalar e a área administrativa. Desde essa época, o espaço já acompanhava importantes avanços da Medicina e trazia inúmeras inovações para o Brasil. Uma de suas principais missões era sempre manter o corpo clínico atualizado, para atestar total excelência em serviços de saúde.

Diante disso, se tornou referência para a América Latina. Hoje, o hospital trabalha com mais de 40 especialidades, além de contar com certificações nacionais e internacionais que desde 2012 comprovam sua dedicação à qualidade de vida e segurança dos pacientes, uma de suas principais proposições quando se trata de atendimento ao público.

Além disso, a instituição oferece a seus residentes cursos de extensão, promove eventos científicos e tem parceria com ligas acadêmicas. Isso porque o ensino e a pesquisa também são prioridade dentro do instituto, que preza por equipes multidisciplinares e muito bem preparadas.

Sendo assim, o hospital foi ainda mais longe para promover possibilidades de pesquisa e residência aos alunos de Medicina: a Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto conta com o Instituto de Pesquisa Marilene Marques desde 2017. O objetivo desse espaço é fornecer assistência para integrar ensino, pesquisa e qualidade assistencial de profissionais e residentes.

Com as atividades promovidas pelo instituto, é possível se reciclar profissionalmente, aprofundar conhecimentos e aperfeiçoar práticas. O embasamento teórico-prático é orientado por profissionais qualificados e atualizados, com referência nacional e internacional na área da saúde.

O complexo hospitalar

O Hospital Infante Dom Henrique da Beneficência Portuguesa conta com dois prédios. Um deles é uma construção tradicional, preservada para contar história com o passar do tempo. Ao seu lado, a modernidade adotada em todos os atendimentos hoje é demonstrada por um outro prédio, espelhado e com heliponto.

Somente por aí é possível perceber toda a grandeza da instituição, não é mesmo? São inúmeros apartamentos disponíveis para os pacientes, além de laboratórios, espaços para exames e terapias e salas de diagnósticos e tratamentos. Tudo muito com acessibilidade e conforto, inclusive para que a equipe exerça bem seu trabalho.

Desde 1991, a Beneficência Portuguesa atende pelo Plano de Saúde Bensaúde, desenvolvido justamente para que a população pudesse ter mais acesso aos serviços prestados. A maior parte dos médicos que atendem no hospital são credenciados. Dessa forma, os atendimentos também são prestados a pessoas que chegam até São José do Rio Preto de outros estados e cidades.

O complexo também conta com um banco de sangue, aberto a qualquer doador que se encaixe nos pré-requisitos usuais para esse procedimento. É um excelente espaço para quem se especializa em Hemoterapia, inclusive, pois conta com boa movimentação e a possibilidade de realizar inúmeras análises clínicas nas próprias dependências dos laboratórios do hospital.

Números e estrutura

A infraestrutura do complexo hospitalar também é incrível. Seu Centro de Diagnósticos é um dos mais modernos do país e conta com 14 mil metros quadrados. Dentro de seus apartamentos, o paciente desfruta de frigobar, ambiente climatizado, tv acaba e visita constante da equipe profissional multidisciplinar. Tudo para que a recuperação seja efetiva e rápida.

Os equipamentos utilizados em serviços e atendimentos são de última geração. Fornecem resultados rápidos e precisos, para que o atendimento se mantenha de ponta. A instituição conta também com laboratórios de Análises Clínicas e Análises Patológicas, Centro Cirúrgico, emergência 24h, Unidade de Internação, Maternidade, UTIs neonatal, pediátrica e adulta, centros de Cardiologia e Endoscopia, serviços de Medicina Nuclear, entre outros.

Além disso, o hospital ainda oferece procedimentos gerais e específicos para exames, diagnósticos e tratamentos de seus pacientes. Entre os serviços prestados por lá com maior frequência estão:

  • Raio-X;
  • Ultrassonografia;
  • Tomografia computadorizada;
  • Ressonância Magnética;
  • Eletroencefalograma;
  • Hemodinâmica;
  • Quimioterapia;
  • Hemodiálise;
  • Hemoterapia;
  • Transplante de Medula Óssea, e mais.

São centenas de atendimentos realizados mensalmente, entre emergência, internações, plantões, consultas e cirurgias. Para completar, a instituição ainda tem um espaço específico destinado a pacientes que necessitam de cuidados paliativos, algo que é considerado um grande diferencial em relação a outras instituições.

Nesta área, são executadas diversas ações que visam o bem-estar de pacientes com doenças que ameaçam a vida. Por meio de avaliações cuidadosas, é possível controlar a dor e os sintomas de natureza física, social e emocional, para que o paciente se adapte melhor às mudanças que a doença impõe. Um tipo de atenção que reforça a missão da instituição de proporcionar a melhor experiência na assistência em saúde de alta complexidade.

A residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto

E agora é hora de mostrar como é a residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto! O processo seletivo começa com uma prova objetiva de cunho classificatório e eliminatório. São 100 questões que podem envolver temas de Cirurgia Geral, Clínica Médica, Medicina Preventiva e Social, Obstetrícia e Ginecologia e Pediatria.

A segunda fase tem uma prova de múltipla escolha, com o mesmo número de questões e direcionamento de conteúdo. Por fim, a terceira e última fase conta com uma análise de currículo. O candidato tem 10 minutos para apresentá-lo a uma banca examinadora e passar por uma arguição do conteúdo.

O edital da prova de residência médica desta instituição costuma sair no começo do ano, ou bem no final do ano anterior. É muito importante ler detalhadamente cada cláusula, porque há especificidades importantes a se levar em conta, inclusive em relação ao cálculo da pontuação em cada etapa do processo seletivo.

O processo, por sua vez, pode apresentar variações nos tipos de prova e temas abordados de acordo com as especialidades de acesso direto ou com pré-requisitos. Algumas das especialidades disponíveis para fazer residência médica são:

  • Anestesiologia;
  • Angiologia;
  • Cardiologia;
  • Cirurgia Cardíaca;
  • Cirurgia Infantil;
  • Cirurgia Geral;
  • Cirurgia Plástica;
  • Clínica Médica;
  • Clínica Geral;
  • Dermatologia;
  • Gastroenterologia;
  • Ginecologia e Obstetrícia;
  • Hematologia;
  • Hepatologia;
  • Medicina Nuclear;
  • Neurocirurgia;
  • Neuropediatria;
  • Oftalmologia;
  • Oncologia;
  • Ortopedia;
  • Pediatria;
  • Pneumologia;
  • Traumatologia;
  • Transplante;
  • Urologia, entre outras.

Durante a residência neste hospital, o aluno participa de atividades guiadas por tutores em sua área de especialidade escolhida. Realiza plantões, faz acompanhamentos de pacientes e participa de atividades teóricas, como o desenvolvimento de pesquisas, aulas e reuniões. É um período bastante intenso, mas muito gratificante, visto que é a oportunidade de estar ao lado de profissionais renomados e dentro de uma instituição que presta tantos atendimentos bem-sucedidos.

A residência, conforme a especialidade, pode durar entre dois e quatro anos. Após a conclusão, o aluno ainda tem a opção de adicionar mais anos de residência, caso tenha vontade de cursar uma subespecialidade ou ainda uma nova especialidade. Vale lembrar que, quem vai se mudar para São José do Rio Preto para estudar, ainda tem outras opções de residência.

Um exemplo é a FAMERP, outra excelente instituição médica para se dedicar a esse período profissional tão importante. Sendo assim, dá para perceber que a localidade é ótima para fazer uma verdadeira imersão na Medicina, com opções seguras e completas para iniciar a carreira e aprender cada vez mais.

E aí, curtiu saber mais sobre a residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto?

Como você pode ver, fazer residência médica na Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto será uma experiência determinante para a sua vida profissional. Portanto, se você quer se tornar um profissional que é realmente referência na área médica, vale a pena considerar essa opção e começar desde já a se preparar para as provas com muito estudo e dedicação! Que tal iniciar seu estudo agora mesmo?

Acesse a Academia Medway para conferir materiais gratuitos que ajudam na residência. Um ótimo exemplo é o Guia Definitivo da USP-RP, outra opção de instituição para quem quer investir na residência no interior do estado. Vale a pena também dar uma olhada no Intensivo São Paulo, nosso curso que começa no meio do ano e tem todo seu conteúdo direcionado para as provas de São Paulo! Bora conquistar essa aprovação!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
AlexandreRemor

Alexandre Remor

Nascido em 1991, em Florianópolis, formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e com Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da FMUSP (HC-FMUSP) e Residência em Administração em Saúde no Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Fanático por novos aprendizados, empreendedorismo e administração.