Carregando

Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP): tudo o que você deve saber

Que tal saber mais de uma das maiores sociedades médicas do mundo em sua especialidade? Eu estou falando da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica)! Ficou interessado? Então vem comigo! 

Fundada em 1948 na capital paulista, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) nasceu com a missão de promover a especialidade e aprimorar o estudo e as técnicas de cirurgia plástica no país. E, desde então, a SBCP vem incentivando o avanço na qualidade e eficiência dos atendimentos a pacientes, promovendo treinamento de alto padrão, oferecendo educação continuada aos seus membros e integrando-os à comunidade. 

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) está sediada em São Paulo e conta hoje com 21 associações regionais distribuídas em 20 capitais do Brasil, congregando mais de 6.700 cirurgiões plásticos, dentre eles, membros titulares da especialidade, associados e aspirantes a membros. 

Uma coisa bacana que a SBCP vem desenvolvendo desde 2013 para facilitar a realização de cirurgias plásticas na população carente brasileira, além de fomentar o estudo da cirurgia plástica reparadora, é a Fundação IDEAH, a primeira instituição de classe com objetivo exclusivamente social, visando o bem da sociedade além do suporte às ações humanitárias, de pesquisa e ensino médico. 

E todos os eventos, congressos e jornadas da Fundação IDEAH são organizados em conjunto com as secretarias de saúde dos estados e com as regionais da SBCP. O objetivo é beneficiar aqueles que esperam na longa fila de atendimento da rede pública de saúde por procedimentos. Um desses eventos é o mutirão de cirurgia plástica reparadora, que ajuda centenas de pacientes com fissuras labiopalatinas, queimaduras, cânceres de pele, e outros problemas que necessitam de reconstrução mamária e otoplastias. 

Quer saber mais sobre esta ou outras especialidades cirúrgicas? Então, confere este artigo que fizemos sobre como escolher as especialidades cirúrgicas.

Como se associar à Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

Para quem tem interesse em associar-se à Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, basta acessar o site da instituição, preencher os formulários e enviar os documentos solicitados. 

Os médicos, residentes, os que possuem RQE (Registro de Qualificação de Especialista) ou os médicos não portadores do TECPL (Título de Especialista em Cirurgia Plástica) também podem se associar como aspirantes a membro. 

Para se tornar membro associado, é necessário ter concluído a residência médica ou a pós-graduação em serviços credenciados. Além disso, o interessado precisa obter aprovação da SBCP nas provas escrita e oral do exame da sociedade. Ou seja: se você for aspirante a membro ou se já tiver feito a residência médica em Cirurgia Plástica, precisa ainda fazer a prova para obter o Título de Especialista da SBCP/AMB. 

Lembrando que a especialização em Cirurgia Geral tem duração de 2 anos e é pré-requisito para os 3 anos de residência médica em Cirurgia Plástica.

E se te interessa saber como andam os rendimentos de quem atua nesse setor, dá só uma conferida no artigo que fizemos e saiba quanto ganha um cirurgião nas diferentes especialidades cirúrgicas. 

O que faz a SBCP: eventos e publicações

A missão maior da SBCP vai além da formação médica contínua: é também aumentar o reconhecimento da atividade do profissional que atua na cirurgia plástica, contribuindo efetivamente para a melhoria das suas condições de trabalho, além de proporcionar a melhoria e o acesso aos serviços por ele prestados.

Para tanto, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica reúne um acervo com uma série de documentos históricos de renomados cirurgiões plásticos no Museu da SBCP, que desde 2016 mostra à comunidade como se deu o desenvolvimento da cirurgia plástica no Brasil. 

A SBCP também oferece aos seus associados dezenas de cursos, jornadas e congressos, tanto online quanto presenciais, como o 57º Congresso Brasileiro de Cirurgia Plástica, que vai acontecer em novembro de 2021 em Maceió, Alagoas. 

As publicações mais relevantes sobre a área da cirurgia plástica são divulgadas no periódico científico trimestral RBCP ( Revista Brasileira de Cirurgia Plástica). Desde 1986, a Revista está indexada na Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e nas bases de dados Scopus para cumprir o legado da entidade, que é registrar a produção científica e fomentar o estudo e o aprimoramento dos profissionais especialistas em Cirurgia Plástica. 

Isso tudo sem falar das atividades realizadas frequentemente pela Fundação IDEAH-SBCP para dar suporte às ações humanitárias, como mutirões de cirurgias plásticas para a população carente e dependente do SUS, e contribuir para o ensino e a pesquisa da Cirurgia Plástica no Brasil. 

Título de especialista na SBCP

Se você quer obter o título de especialista em Cirurgia Plástica na SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica) em convênio com a Associação Médica Brasileira (AMB), dê uma olhada aqui, link em que você vai ter acesso a todas as informações, vai encontrar a lista de todos os pré-requisitos, os procedimentos e também as formas de preenchimento da ficha de inscrição. Além disso, o site da SBCP traz explicações detalhadas de como proceder em relação ao envio dos documentos exigidos e sobre a realização das duas provas, uma escrita e outra oral. 

Vale lembrar que você já deve ser médico com especialização de dois anos em Cirurgia Geral e três anos em Cirurgia Plástica em serviço credenciado pela SBCP e/ou MEC. Está na lei, conforme o Art. 4º da Resolução do CFM Nº 1634 de 2002: “O médico só pode declarar vinculação com especialidade ou área de atuação quando possuidor do título ou certificado a ele correspondente, devidamente registrado no Conselho Regional de Medicina.” 

Mas essa não é a única forma de obtenção: a comprovação do exercício da atividade em Cirurgia Plástica por um período mínimo de 10 anos, que equivalem aos 4 anos de Cirurgia Geral e aos 6 anos de Cirurgia Plástica, por meio dos documentos estabelecidos no edital da SBPC, também é porta de entrada para a titulação na especialidade. 

A conclusão de treinamento em Cirurgia Plástica reconhecido pela Associação de Especialidade, com duração igual à do Programa de Residência Médica da CNRM; ou a comprovação de treinamento/capacitação em Nefrologia por meio de atividades profissionais, realizadas em um período de tempo mínimo equivalente a duas vezes o recomendado pela CME, que é a atuação na especialidade por 8 anos, também permite ao médico o recebimento da titulação. 

Quer saber sobre o salário do Especialista em Cirurgia Plástica antes de se aventurar por esse caminho? Que tal dar uma lida no artigo que fizemos sobre quanto ganha um cirurgião plástico no Brasil.

A residência em Cirurgia Plástica

sbcp foto ilustrativa
Conheça mais sobre a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)

O cirurgião plástico é aquele que vai poder atuar na forma e na função dos órgãos, tecidos e músculos, promovendo mudanças reparadoras e estéticas. Além de destreza nas técnicas cirúrgicas, esse médico precisa ter conhecimentos aprofundados em Anatomia, Fisiologia e consciência da arte. Pela alta exigência, a formação em Cirurgia Plástica é longa e vai demandar bastante dedicação. Pra se ter uma ideia, o profissional que deseja atuar nesse campo deve, após a sua graduação em Medicina, cursar a residência médica em Cirurgia Geral, que tem duração de 2 anos e depois a residência em Cirurgia Plástica com 3 anos de duração. 

Mas a boa notícia é que, depois de concluída a sua formação, o profissional desta área vai atuar em uma das especialidades que mais cresce em toda a Medicina: segundo dados recentes da pesquisa do Conselho Federal de Medicina (CFM), mais de 6 mil médicos titulados em Cirurgia Plástica no Brasil, o que impulsiona o mercado de trabalho, abre um leque de possibilidades de atuação e torna essa uma carreira promissora. 

E aí? Curtiu conhecer a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica? 

Então, que tal buscar a preparação adequada para as provas de residência? Dá só uma olhada na Academia Medway e você vai encontrar centenas de conteúdos completamente gratuitos que vão te ajudar a entender melhor como são as provas das principais instituições, como o Guia Definitivo da USP-RP e o Guia Definitivo da Unifesp.

Já aqui no Blog, você pode continuar navegando para saber quais são as instituições mais buscadas para fazer Residência em Cirurgia Geral em São Paulo e dar o primeiro passo em direção ao seu sonho de se tornar um cirurgião plástico. Vamos estudar juntos? Bora pra cima!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoãoVitor

João Vitor

Capixaba, nascido em 90. Graduado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e com formação em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HC-FMUSP) e Administração em Saúde pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Apaixonado por aprender e ensinar.