Carregando

Sociedade Brasileira de Dermatologia: tudo o que você precisa saber

Influenciados pelas escolas francesa, alemã e austríaca, os médicos aprimoraram seus conhecimentos sobre problemas cutâneos e aprenderam as melhores maneiras de tratar as doenças de pele e retornavam ao Brasil, transferindo todo o aprendizado e essas novas práticas para a atual realidade do país. Nesse contexto, nasce a Sociedade Brasileira de Dermatologia.

A sociedade foi criada em 1912 por um grupo de médicos no Rio de Janeiro que desde então, vem ajudando a formar e a aperfeiçoar várias gerações de dermatologistas em todo o Brasil. 

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD)

A Sociedade Brasileira de Dermatologia possui a maior e mais completa biblioteca da área na América Latina, a Biblioteca Professor Francisco Eduardo Rabello da SBD. Ela tem em seu acervo livros raros e únicos datados do século dezoito e abriga mais de três mil publicações, além de disponibilizar diversos serviços on-line aos seus associados. 

Tudo isso para que o médico possa ter acesso ao melhor estudo dentro da especialidade. 

Não bastasse isso, desde 1967, a entidade, junto com a AMB (Associação Médica Brasileira) oferece o título de especialista em dermatologia, que mais do que um reconhecimento das habilidades e competências na área, confirma a qualificação específica e legitima o exercício da profissão com segurança e eficiência. 

Só pra você ter uma ideia, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), fundada em meados dos anos 20, é considerada a segunda maior sociedade médica do mundo! Com isso, já dá pra imaginar que há muitos especialistas no mercado, né? 

Hoje em dia, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) congrega quase dez mil associados que juntos têm colaborado com a especialidade por meio de pesquisas e estudos originais no campo das doenças infectocontagiosas e tropicais, contribuindo com o avanço da ciência e o desenvolvimento da dermatologia no país. 

A SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) conta ainda com 24 sociedades regionais afiliadas que atuam em parceria e promovem o ensino, a pesquisa, a defesa do profissional e o aprimoramento da especialidade

Como se associar à Sociedade Brasileira de Dermatologia

Pra quem tem interesse em associar-se à Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) basta acessar o site da instituição e após o preenchimento dos dados solicitados e o envio dos documentos, é só aguardar por um período de aproximadamente 30 dias para que a confirmação seja dada. Esse prazo serve para que a análise e a aprovação dos documentos sejam feitas pela SBD. Pra isso, você que é médico dermatologista, mora ou não no Brasil e é portador de Título de Especialista em Dermatologia (TED) emitido pela Associação Médica Brasileira após aprovação no exame promovido pela SBD pode se associar. 

Se você ainda é residente ou aperfeiçoando, ou seja, um médico que esteja realizando residência, especialização ou estágio equivalente em serviço credenciado pela SBD pode ocupar vagas credenciadas pela SBD e poderá permanecer nesta situação por um período máximo de três anos, contados da data da conclusão ou desligamento da residência, especialização ou estágio.

E uma vez associado, o médico já pode ter acesso à formação continuada de qualidade com a participação em eventos, em simpósios e treinamentos de atualização, bem como cursos à distância com foco na atualização médico-acadêmica com descontos ou ainda de forma gratuita, que a SBD proporciona. E certamente, tudo isso vai te ajudar bastante no seu desenvolvimento pessoal, crescimento profissional e na rede de contatos com médicos já atuantes na área da dermatologia. 

E se você não for um médico dessa área? Também pode se tornar um afiliado, sabia? Essa é a boa notícia que vem para aqueles que não possuem o título de especialidade ou certificado de área de atuação, concedido e reconhecido pela AMB/SBD, mas ainda assim têm afinidade com a área. Caso tenham prestado contribuição à Dermatologia por cinco anos ininterruptos com comprovação curricular e não exerçam de forma direta a Dermatologia, quando indicados por 3 membros, podem se associar. 

O que faz a Sociedade Brasileira de Dermatologia

A entidade que visa tratar o paciente e não apenas a doença e busca sempre por uma instrução humanista e especializada no ensino da medicina, que em 1944 protagonizou a 

Primeira Reunião Anual dos Dermatossifilógrafos Brasileiros, com a participação de 40 especialistas. 

E em 1969, passaram a ser designados Congressos Brasileiros de Dermatologia os eventos que aconteceram e se destacaram na SBD, pelo enorme número de profissionais e seus temas abordados. Desde então, o seu foco sempre foi a valorização do médico dermatologista, a democratização do conhecimento, sem se esquecer jamais do fortalecimento da relação médico-paciente e principalmente da prática da medicina humanizada

Eventos da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Atualmente, a Sociedade Brasileira de Dermatologia tem oferecido dezenas de cursos, eventos e congressos tanto online quanto presenciais. Além de publicações relevantes na área, como por exemplo, os Anais Brasileiros de Dermatologia publicados na Revista dos ABD ou os artigos da Revista S&CD e que busca a difusão da experiência brasileira nas áreas de cirurgia dermatológica, oncologia cutânea, tecnologia em dermatologia e cosmiatria.

Durante todo o ano você pode acessar os mencionados acima no site da instituição. A SBD proporciona cursos e eventos, como por exemplo, agora em outubro de 2021, o 5º Simpósio Nacional de Imunobiológicos e XIII Simpósio Nacional de Psoríase que ocorrerá em formato on-line e a Pré-jornada e XXVII Jornada Baiana de Dermatologia – SBDBA que acontece naquela regional.

Além da Conexão SBD que é uma série de lives sobre temas de interesse da especialidade e do SBDcast, um programa de rádio que pode ser ouvido online a qualquer hora e em qualquer lugar, de forma gratuita, no qual o usuário terá acesso aos mais diversos assuntos da dermatologia. E pra quem curte descontos, o SBD CARE é um programa que vai disponibilizar benefícios e descontos especiais aos associados, é só conferir no site da instituição. 

Título de especialista na SBD

As informações para a obtenção do título de especialista na Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) em convênio com a Associação Médica Brasileira (AMB) para 2021 já estão disponíveis aqui juntamente com a lista todos os pré-requisitos, procedimentos e formas de preenchimento da ficha de inscrição, além de explicar detalhadamente como deve ser o envio dos documentos exigidos para você conseguir o TED (título de especialista em Dermatologia).

Lembrando aí, moçada, que pra isso, tem que ter finalizado a residência médica em Dermatologia. Está na lei, conforme o Art. 4º da Resolução do CFM Nº 1634 de 2002: “O médico só pode declarar vinculação com especialidade ou área de atuação quando possuidor do título ou certificado a ele correspondente, devidamente registrado no Conselho Regional de Medicina.” Então, concluiu a residência e pegou a certificação, corre para o site da SBD e faça seu cadastro para conseguir a titulação de especialista na área. 

A residência em Dermatologia

Confira mais a respeito da Sociedade Brasileira de Dermatologia!
Saiba mais sobre a residência em Dermatologia

Pra você que chegou até aqui buscando o máximo de informações sobre a Sociedade Brasileira de Dermatologia porque atuar como dermatologista  e na especialidade dos seus sonhos, trazemos boas notícias: essa é uma especialidade médica de acesso direto, ou seja, basta concluir a graduação em Medicina para estar a apto a cursar residência médica, em 3 anos, em instituições de ensino públicas ou privadas. E pra você saber, algumas das mais procuradas são USP, Unicamp, SMS-SP e Unifesp

E aí? Curtiu? 

Então, é chegada a hora de se preparar para as provas de residência! Que tal dar uma olhada na   Academia Medway? Lá você vai encontrar centenas de conteúdos completamente gratuitos que vão te ajudar a entender melhor como são as provas das principais instituições, como por exemplo o Guia Definitivo da USP-RP e o Guia Definitivo da Unifesp. É pra brilhar e ir pro único lugar possível: pra cima! 

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
AlexandreRemor

Alexandre Remor

Nascido em 1991, em Florianópolis, formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e com Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da FMUSP (HC-FMUSP) e Residência em Administração em Saúde no Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Fanático por novos aprendizados, empreendedorismo e administração.