Carregando

As instituições mais buscadas para fazer residência médica em Medicina do Trabalho em SP

Já pensou em fazer residência médica em Medicina do Trabalho? Essa especialidade se preocupa com a prevenção de doenças no âmbito profissional, além do controle de riscos à saúde do trabalhador na sua rotina de trabalho. O médico do trabalho e segurança também cuida de normas e regras legais de promoção da saúde e qualidade de vida dos colaboradores das empresas. Até porque, se o bem-estar dos colaboradores não vem em primeiro lugar, a produtividade e os resultados caem.

Ou seja, a Medicina do Trabalho é a promoção e preservação da saúde dos trabalhadores. E a demanda está maior a cada dia. Segundo a Demografia Médica de 2018, a Medicina do Trabalho é a sexta especialidade em número de médicos no Brasil. Então, se você pensa em seguir essa carreira super importante pra sociedade, que tal conhecer as instituições mais buscadas para fazer residência médica em Medicina do Trabalho em SP? Vem com a gente!

USP

Que a USP é uma instituição muito renomada você provavelmente já sabe, mas você sabe como é a residência em Medicina do Trabalho no Hospital das Clínicas da USP? Bom, essa especialidade na USP tem duração de 2 anos. A Medicina do Trabalho é uma especialidade de acesso direto, ou seja, é uma residência sem pré-requisitos.

Hospital das Clínicas, onde é realizada a residência em Medicina do Trabalho na USP
Hospital das Clínicas da USP

Os residentes que têm interesse nessa especialidade na USP devem conhecer o departamento Instituto Oscar Freire (IOF), referido muitas vezes como Departamento de Medicina Legal, Ética Médica e Medicina Social e do Trabalho da FMUSP. Essas especialidades conversam entre si nesse mesmo departamento, que é referência no ensino, pesquisa e extensão. No nosso Guia Definitivo da USP-SP contamos tudo sobre essa estrutura e tudo o que você precisa saber pra ser um residente lá — da preparação à vida de quem já faz residência médica no HC. Confere lá!

A concorrência para Medicina do Trabalho na USP em 2020 teve uma relação candidato/vaga de 7,0. Mas se liga nisso: esse ano, em 2021, a concorrência foi de 6,5 candidatos por vaga. Ou seja, se essa tendência de queda da concorrência se manter, e a Medicina do Trabalho na USP for uma opção sua, é uma ótima oportunidade! Quer conferir a concorrência nas demais especialidades em 2021 na USP e os principais destaques no edital? Então dá uma olhada no nosso artigo sobre o edital de residência médica da USP 2021!

E mesmo com a concorrência tendo uma leve queda, ainda são 6 candidatos que você tem para competir! Portanto, o melhor agora é se preparar! Temos um artigo que vai te ajudar a ter uma visão bem aprofundada do exame, contando tudo sobre a prova de residência médica da USP-SP, direto ao ponto!

Unicamp

A especialização em Medicina do Trabalho na Unicamp, diferente da USP, não é um programa de pós-graduação, mas sim de residência médica de acesso direto. Ele tem a duração de 2 anos e, no ano de 2021, foram ofertadas 3 vagas. Cada uma das 3 vagas foram disputadas por 4 candidatos. Esse é um programa relativamente novo na Unicamp, que foi adotado em 2019. Para conferir as relações de outras especialidades, é só dar uma olhada no nosso artigo sobre a concorrência da residência médica na Unicamp 2021.

Hospital de Clínicas, onde é realizada a residência em Medicina do Trabalho da Unicamp
Hospital de Clínicas da Unicamp

As atividades da residência na Unicamp são desempenhadas no Hospital de Clínicas da Unicamp, que tem um fluxo de pacientes alto e casos de alta complexidade. Ah, e a nota de corte para Medicina do Trabalho na Unicamp foi de 3,33!

Bom, é evidente que se você tem interesse em fazer Pneumologia nessa instituição, é melhor já ir se preparando para as provas! Quer saber tudo sobre a prova de residência médica na Unicamp para se preparar direitinho? Então clica aí no nosso artigo A prova de residência médica da Unicamp: direto ao ponto. E pra não deixar nenhuma informação importante sobre a prova passar batido, confira as novidades no edital de residência médica da Unicamp 2021 clicando aqui.

IAMSPE

A residência em Medicina do Trabalho no IAMSPE (Hospital do Servidor Público Estadual) como na Unicamp, também é uma residência médica de acesso direto. Essa especialização também tem 2 anos de duração. Mas atenção, o processo seletivo de 2021 do IAMSPE para Medicina do Trabalho ofereceu apenas 1 vaga! Isso mesmo! E a relação candidato/vaga foi 7,00, com uma nota de corte 5,25. Pois é, zero moleza!

Hospital do Servidor Público Estadual, onde é realizada a residência em Medicina do Trabalho do IAMSPE
IAMSPE visto de cima

O processo seletivo do IAMSPE é semelhante ao de outras instituições pra fazer residência médica em SP (prova teórica, prova prática e entrevista), e nós também já contamos tudo sobre essa prova. Porém, ela conta com um elemento diferente: assim como a Unifesp, o IAMSPE também tem uma prova multimídia na segunda fase. Um bom motivo pra você dar uma olhada no Minicurso de Prova Multimídia, hein?

E se você tem interesse em fazer residência no IAMSPE, não pode deixar de ler o nosso artigo em que falamos tudo sobre a residência no IAMSPE!

Santa Casa (ISCMSP)

Na Santa Casa (ISCMSP) a Medicina do Trabalho funciona como nas outras especialidades já citadas: é uma residência médica de acesso direto, com duração de 2 anos. E falando sobre a quantidade de vagas, a oferta é grande: são 35 vagas para a pós-graduação em Medicina do Trabalho! Os critérios de seleção para essas vagas são entrevista e análise curricular. Quer saber mais sobre a prova de residência médica da Santa Casa? Clique aqui e confira como é a prova, direto ao ponto!

Para saber mais sobre o edital da ISCMSP, confira as novidades do edital de residência médica da Santa Casa de São Paulo 2021.

Alguns dos destaques da pós-graduação em Medicina do Trabalho nessa instituição são as visitas às empresas, onde o aluno terá conhecimento de processos produtivos e avaliação de riscos ocupacionais. Além disso, conta com aulas práticas e atividades complementares de 2 a 3 vezes por mês, como provas, atividade prática monitorada e orientação de monografia. Curtiu? Pra saber mais sobre a prova residência médica e o gabarito de 2021 na Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (ISCMSP), não perca tempo: clique aqui!

É isso!

A residência em Medicina do Trabalho é muito procurada, visto a alta demanda de profissionais da área no mercado de trabalho. Então, se é seu sonho ser um médico do trabalho, comece agora a procurar quais instituições podem fazer parte do seu futuro.

Para saber tudo sobre as melhores instituições de São Paulo, que tal dar uma olhada na Academia Medway? Lá você encontra e-books gratuitos, como guias definitivos sobre a USP, Unicamp, Unifesp. E pra saber quais assuntos priorizar nessa sua jornada de estudos, temos também guias estatísticos atualizados a cada ano, como da USP, Unicamp e Unifesp.

Não perca tempo! Bons estudos, pessoal!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoãoVitor

João Vitor

Capixaba, nascido em 90. Graduado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e com formação em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HC-FMUSP) e Administração em Saúde pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Apaixonado por aprender e ensinar.