Carregando

Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP): tudo o que você precisa saber

Você já ouviu falar sobre a Sociedade Brasileira de Pediatria, a SBP? Se você pensa em se formar nessa especialidade, precisa saber tudo a respeito dela! Afinal, ela será de grande apoio durante sua carreira. Além disso, ainda é considerada como a maior sociedade médica da área no Brasil, e uma das maiores entidades pediátricas de todo o mundo.

Sem fins lucrativos, a instituição fica no Rio de Janeiro, mas tem escritórios e representantes em São Paulo e Porto Alegre. Outras 27 filiadas se espalham por todos os estados do país e Distrito Federal. Ficar por dentro dos eventos, publicações e demais serviços prestados por ela é essencial para continuar a prestar um bom atendimento a seus pacientes e famílias.

Portanto, que tal se aprofundar um pouco mais no que a SBP faz e descobrir como se associar? Continue a leitura deste artigo para conferir todos os detalhes!

Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP): tudo o que você precisa saber
Se você quer saber tudo sobre a Sociedade Brasileira de Pediatria, continue lendo!

A Sociedade Brasileira de Pediatria

A Sociedade Brasileira de Pediatria é uma instituição centenária, que a cada dia tem um papel mais relevante para a sociedade médica. É filiada à Associação Médica Brasileira (AMB) e à Associação Internacional de Pediatria (IPA).

Para completar, também tem projetos junto a outras instituições que visam a qualidade de vida de crianças e adolescentes. Seu corpo científico conta com Departamentos e Grupos de Trabalho, formados por especialistas à frente das mais diversas áreas da Pediatria.

A história da SBP é longa: sua fundação aconteceu em 1910, e hoje reúne mais de 22 mil associados de todos os locais do país. Sua estrutura é tão grande e com uma demanda tão significativa, que ocupa um prédio inteiro no bairro de Copacabana, Rio de Janeiro.

A administração da entidade é composta por um Conselho Superior, uma Diretoria, uma Comissão de Sindicância, um Conselho Fiscal e um Conselho Acadêmico. As eleições para eleger os profissionais responsáveis por cada um deles são feitas desde 2013 pela Internet, para trazer mais transparência e agilidade aos resultados.

A SBP também se preocupa em manter um diálogo com todas as Ligas Acadêmicas espalhadas pelo Brasil. Ou seja, está sempre de olho no profissional do futuro, então é importante que você, logo na residência, já fique ligado em tudo o que a sociedade oferece.

Assim, poderá contribuir para fortalecer a rede de pediatria do Brasil. E, é claro, continuar a lutar pela infância e adolescência de nossos jovens!

Como se associar

Quer fazer parte da Sociedade Brasileira de Pediatria? É muito fácil! Basta acessar o site e preencher o formulário de cadastro de associados. Você também pode se associar por meio do Programa Médico-Residente, caso faça residência nessa especialidade. As Ligas de Pediatria devem acessar a mesma página e acessar outro formulário à parte.

Mas afinal, o que você tem a ganhar ao entrar para a SBP? Para além de se tornar um profissional credenciado, mais informado e atento às necessidades de seus pacientes, você ainda:

  • consegue reduzir taxas de inscrição de cursos, eventos e congressos;
  • pode ter descontos na inscrição em cursos de Reanimação Neonatal e Reanimação Pediátrica;
  • garante mais descontos na inscrição no Curso de Aprimoramento em Nutrologia Pediátrica (CANP);
  • tem acesso a cursos EAD com valor mais acessível;
  • assegura descontos em publicações das Editoras Manole e Artmed;
  • reduz tarifas de inscrição no TEP e em Certificados das Áreas de Atuação da Pediatria;
  • conta com assessoria dos 32 Departamentos Científicos da instituição;
  • conhece soluções de Defesa Profissional;
  • se mantém atualizado em relação ao lançamento de documentos científicos;
  • acessa publicações da SBP;
  • assina o Programa Nacional de Educação Continuada em Pediatria (PRONAP);
  • descobre em primeira mão atividades, eventos e encontros científicos.

Uau! Vale a pena, não é mesmo? Essa é uma excelente forma de dar continuidade à sua formação e ficar por dentro do que há de mais novo na especialidade mesmo quando já tiver uma cartela de pacientes fidelizada. Nunca é demais se preparar para ser cada vez melhor, concorda?

O que faz a Sociedade Brasileira de Pediatria

A proposta da SBP é defender os interesses dos pediatras, das crianças, dos adolescentes e de suas famílias. Mas como a instituição faz isso? Simples! Por meio de alguns serviços que presta. Veja só como funciona!

Serviços do conselho

O conselho da SBP oferece uma série de serviços para seus associados. A começar pelo marketplace, onde todos os eventos ministrados pela instituição são disponibilizados para inscrição.

Tem também um informativo completo destinado para residentes de Pediatria, aconselhamento sobre Pediatria para Famílias, concursos para obtenção de títulos e cursos de aprimoramento variados, EAD ou presenciais. Uma biblioteca de anais de congressos também é disponibilizada, juntamente com programas de educação continuada.

Publicações

A Sociedade Brasileira de Pediatria é responsável por guiar algumas publicações famosas da área. A principal delas é o Jornal de Pediatria, criado em 1934, idealizado lá atrás por Álvaro Reis inicialmente como uma revista. Seu conteúdo é reconhecido internacionalmente pela excelência, e a partir do sucesso deste jornal, outras publicações surgiram.

Por exemplo, a SBP Ciências, com um conteúdo mais abrangente, e a Revista Residência Pediátrica, que, como o nome mostra, é voltada para os residentes na especialidade. A sociedade ainda mantém atualizada uma publicação com documentos científicos, então vale a pena a consulta para conferir o que há de mais importante para seu trabalho.

Eventos

Em relação aos eventos promovidos pela SBP, é fundamental reforçar que todos apresentam um elevado padrão de qualidade em todas as atividades. O primeiro evento realizado pela entidade foi a Conferência Nacional de Proteção e Assistência à Infância, em 1933, e, desde então, todos os eventos demonstram nível internacional em todos os conteúdos abordados.

Hoje, a sociedade é responsável por promover uma infinidade de cursos, palestras, congressos e workshops. É muito importante ficar atento a datas e inscrições, para não perder nada do que é oferecido e continuar a complementar seu currículo.

Se você tem ou quer cursar uma subespecialidade dentro da Pediatria, a dica é a mesma. Existem muitos eventos com direcionamentos mais afunilados que são importantes para que você se aperfeiçoe dentro de sua formação ou conheça melhor outras possibilidades de áreas para seguir.

Título de especialista na SBP

Você também pode obter seu título de especialista pela Sociedade Brasileira de Pediatria. A entidade disponibiliza todos os editais e inscrições para que você consiga seu Título de Especialista em Pediatria (TEP) ou Título de Área de Atuação.

É interessante acessar constantemente o site para ver quais são as novas provas de titulações e já anotar todos os detalhes pertinentes para conseguir seu título. Entre os concursos oferecidos estão Alergia e Imunologia Pediátrica, Emergência Pediátrica, Medicina do Adolescente, Neonatologia, Nutrição Parenteral Pediátrica, Reumatologia Pediátrica, TEP Seriado e muito mais.

A residência em Pediatria

Depois de saber de tudo isso, seu interesse em fazer residência médica em Pediatria aumentou? Então é hora de se informar um pouco mais sobre o que espera por você. O programa de residência nessa especialidade tem, pelo menos, 60 horas de trabalho semanal.

São 40 horas dedicadas a atividades rotineiras e 20 horas de plantão. Nesse ritmo, você fica durante três anos, e depois pode adicionar mais alguns anos de estudo caso queira cursar uma subespecialidade.

Além das atividades práticas,hospitalares e ambulatoriais, o residente também tem que cumprir uma carga teórica e pode se aventurar por pesquisas e publicações. Dentro do conteúdo programático, ele estudará disciplinas como Sistema Único de Saúde/SUS – princípios e organização, Nutrição, Aleitamento Materno, Alimentação Complementar, Crescimento da Criança e do Adolescente, Desenvolvimento do Sistema Imunológico e Imunizações, Acidentes na Infância e na Adolescência, Unidade de Internação, Unidade Neonatal, Treinamento em Urgência e Emergência em Pediatria, entre outros.

Entre os locais de treinamento das disciplinas práticas, estão ambulatórios, enfermarias gerais de Pediatria, alojamentos e berçários de baixo e médio risco, centros obstétricos, pronto-socorro e salas de reuniões. Cada passo do residente é devidamente orientado por profissionais experientes e renomados da instituição médica escolhida para essa experiência.

Esse é um período da carreira médica bastante intenso. É fundamental que o futuro pediatra tenha certo domínio sobre as emoções, porque pode ter que encarar casos muito graves. E é natural que a preocupação se instale em um nível maior por se tratar de crianças e adolescentes.

Mas para que os atendimentos sejam adequados, assim como os devidos encaminhamentos, estar psicologicamente estável é de suma importância. Afinal, são muitos tratamentos, procedimentos e ações —de emergência ou não —, que podem salvar a vida dos mais jovens e ajudar até mesmo a estabilizar a condição e a convivência de famílias que talvez não tenham uma boa estrutura ou orientação em relação a cuidados de saúde.

Já está por dentro da Sociedade Brasileira de Pediatria?

E então, deu para entender a importância e a essência da Sociedade Brasileira de Pediatria, a SBP? Agora que você já sabe tudo sobre essa instituição, pode se preparar para se associar assim que finalizar a sua especialização.

E para que ela seja um sucesso, não se esqueça: comece já a estudar para a residência médica com o nosso Intensivo SP! Esse é um curso que conta com aulas focadas nas grandes instituições de São Paulo, que são ótimas escolhas para que você comece sua carreira. 

Ah, e se você já quer começar a dar um gás nessa preparação, a gente tem outra dica pra te dar: o nosso e-book 15 bloqueios que te impedem de ser aprovado na residência. Nele, você vai conhecer os principais problemas que atrapalham os estudantes nos estudos para os processos seletivos das provas. E não para por aí. Na Academia Medway você encontra diversas outras opções de conteúdos ricos para acessar.

Esperamos por você!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoanaRezende

Joana Rezende

Carioca da gema, nasceu em 93 e formou-se Pediatra pela UFRJ em 2019. No mesmo ano, prestou novo concurso de Residência Médica e foi aprovada em Neurologia no HCFMUSP, porém, não ingressou. Acredita firmemente que a vida não tem só um caminho certo e, por isso, desde então trabalha com suas duas grandes paixões: o ensino e a medicina.