Carregando

Administração Hospitalar: o que é preciso para seguir essa carreira

Pense em um hospital de uma grande cidade e que recebe centenas ou milhares de casos todos os dias. Como garantir que os recursos sejam suficientes para todos os atendimentos? Como organizar as escalas de todos os profissionais, cumprindo regras e atendendo às demandas? A resposta para essas e outras perguntas gira em torno da Administração Hospitalar.

Ela funciona como o “cérebro” de uma instituição de saúde e cuida de todas as questões essenciais para o funcionamento e para a eficiência. Se isso tiver a ver com o seu perfil, trata-se de uma boa possibilidade de carreira, que é cheia de potencial.

Vista aérea do Hospital das Clínicas (HC)
Já se perguntou como é feita a administração de um grande complexo hospitalar?

A seguir, veja tudo sobre a Administração Hospitalar e descubra o que é necessário para seguir nessa profissão!

O que é a área de Administração Hospitalar?

Para um hospital cumprir suas obrigações e prestar serviços adequados, ele precisa ser gerenciado corretamente. A Administração Hospitalar existe justamente com esse foco e reúne todas as práticas que levam à tomada de decisão para o bom uso dos recursos de um hospital.

A intenção é garantir que todas as áreas tenham a atenção necessária, bem como garantir que o uso dos leitos, dos materiais e dos outros componentes seja racional.

Outra questão importante envolve o atendimento ao padrão mínimo de qualidade esperado, de modo que os pacientes, os profissionais e a própria instituição tenham segurança no cotidiano.

Como é o mercado de trabalho?

Em termos de funções, a Administração Hospitalar prevê, no geral, a função de diretor ou gestor ligado à saúde. No entanto, é possível atuar de diferentes maneiras, especialmente nas instituições de maior porte.

Como não é provável que alguém cuide, sozinho, de todos os segmentos, é comum que as oportunidades estejam divididas em áreas de interesse — e que, eventualmente, passam a estar integradas.

A seguir, veja quais são as principais possibilidades sobre o mercado de trabalho!

Logística

A atenção à cadeia de suprimentos é indispensável para que a instituição de saúde tenha tudo aquilo de que precisa para funcionar com qualidade. Isso envolve tanto materiais simples de uso diário quanto a compra (e a entrega) de equipamentos de grande porte e alto custo.

Há, ainda, questões ligadas ao transporte de materiais hospitalares, que devem receber o descarte correto. Uma boa logística é essencial para o bom funcionamento da instituição, afinal.

Financeiro

Outra área possível de atuação envolve o setor financeiro. Você não precisa ser especialista na parte contábil e nem entender demais de cálculos. No entanto, terá o importante papel de cuidar do uso dos recursos, da avaliação de orçamentos e do gerenciamento de gastos.

Tudo isso é feito em parceria com especialistas nas questões financeiras, de modo que você possa tomar decisões de maneira informada e adequada.

Pessoal

O gerenciamento de Recursos Humanos é importante na Administração Hospitalar porque garante que a instituição tenha os médicos, os enfermeiros e os demais profissionais necessários.

Novamente, é possível ter o apoio de outros especialistas, como gestores de RH que ajudam a coordenar as operações. No entanto, você é quem fica responsável pelo gerenciamento completo das atividades.

Jurídico

Um hospital deve atender a diversas questões jurídicas, como a responsabilidade assumida pelos pacientes, as boas práticas que devem ser adotadas e as demais regras. Nas instituições públicas, ainda há elementos como as licitações e outros contratos.

Como administrador, é preciso conhecer as obrigações e orientar adequadamente o corpo jurídico. Então, o mercado de trabalho também conta com essas questões como características de atuação.

Além dessas áreas específicas, você precisará conhecer áreas de apoio que são essenciais, como a parte de Radiologia, de Nutrição, de laboratórios e assim por diante. Assim, o mercado exige que você tenha um entendimento completo, no que é conhecido como visão holística.

Em relação às oportunidades, há uma boa demanda de profissionais qualificados e que entendam de Saúde e de gestão ao mesmo tempo. Dependendo do local escolhido, você pode se destacar facilmente no mercado se tiver a qualificação correta.

Qual é a remuneração da função?

Segundo o site Salario.com.br, um administrador hospitalar ganha, em média, R$ 4,1 mil por mês. O piso salarial pesquisado foi de R$ 3,8 mil, com o teto de R$ 9,8 mil. No entanto, calma: esse salário depende muito se você trabalha num hospital público ou numa grande rede hospitalar, quais suas atribuições, e a carga horária!

Vale notar que, no salário desse profissional, é comum que sejam incluídos valores referentes ao adicional de insalubridade e periculosidade. Então, dependendo da avaliação de riscos do local, é possível ampliar os ganhos.

Além do mais, os ganhos variam com a região de atuação, com a instituição e com o nível de experiência. Quanto mais preparado você estiver, maiores serão as suas chances de obter ganhos elevados.

Onde é possível atuar na área de Administração Hospitalar?

Quando pensamos na área de Administração Hospitalar, é possível trabalhar em instituições de diversos portes e com propósitos diferentes.

Você pode ser responsável pela gestão de saúde e de recursos de um hospital de referência de uma grande cidade, por exemplo. Também pode atuar em locais mais afastados e que exigem ainda mais atenção sobre certos aspectos.

Além disso, é possível trabalhar tanto no setor público quanto no setor privado. Portanto, é possível explorar habilidades e interesses diferentes, de acordo com o seu perfil.

Como se especializar em Administração Hospitalar?

Para atuar na Administração Hospitalar, é preciso ter um entendimento específico sobre a Saúde, bem como uma vivência na área. Não basta ser um profissional formado em gestão, pois hospitais, principalmente, têm particularidades e exigências específicas.

Residência em Administração em Saúde do Einstein é uma opção para quem quer seguir carreira em Administração Hospitalar
Residência em Administração em Saúde do Einstein é uma opção para quem quer seguir carreira em Administração Hospitalar

Nesse sentido, o melhor caminho para a especialização é a realização de uma residência médica e, para isso, você tem algumas opções.

Se você quer partir para essa área de cara, pode fazer a  residência em Medicina Preventiva e Social, que é de acesso direto. Neste programa, você passa um ano com estudos gerais e depois pode optar pelo programa voltado para a formação de administradores de saúde.

A outra opção é fazer uma residência específica na Administração Hospitalar, que está disponível apenas em algumas instituições. Nesse caso, há como pré-requisito já ser especialista em qualquer área. Então, é obrigatório ter concluído alguma residência médica. É o caso da residência médica em Administração em Saúde do Hospital Albert Einstein.

A residência em Administração em Saúde do Einstein te prepara para atuar na gestão de empresas de saúde, integrando conhecimentos de RH, cadeia de suprimentos, logística, TI, financeiro, comercial, serviços assistenciais e de apoio ao centro cirúrgico, UTI, laboratório, serviço de nutrição e vários outros. Você ainda pode colocar tudo que aprende em prática em projetos monitorados no Hospital Vila Santa Catarina, que é gerido pelo Einstein.

Aliando os conhecimentos passados por preceptores e residentes de anos superiores à experiência prática em diversas instituições, você terá a formação necessária para atuar. Por isso, é importante já começar a se preparar para a prova de residência, caso deseje seguir essa jornada ligada à Administração Hospitalar.

E se você vai começar a se preparar para encarar a prova de residência médica, sugiro dar uma olhada no nosso e-book gratuito Os 15 bloqueios que te impedem de ser aprovado na residência para já começar com o pé direito, já vencendo os bloqueios mentais que atrapalham seus estudos e te impedem de ser aprovado na residência médica dos seus sonhos!

Aproveita e dá uma olhada na Academia Medway e estude com outros dos nossos materiais gratuitos, incluindo guias estatísticos, ebooks e minicursos 100% online!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
JoãoVitor

João Vitor

Capixaba, nascido em 90. Graduado pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e com formação em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HC-FMUSP) e Administração em Saúde pelo Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Apaixonado por aprender e ensinar.