Carregando

Geriatria: saiba como a especialização na área funciona

Na jornada para a aprovação nas principais instituições de residência médica, é comum se deparar com uma grande quantidade de especializações e áreas de atuação. Entretanto, você sabia que uma delas aborda as principais doenças e tratamentos de pessoas com idades mais avançadas? Conheça a Geriatria.

A especialidade cresceu de forma expressiva com o envelhecimento da população. Portanto, continue a leitura para compreender como a especialização na área funciona e quais são as principais funções de um profissional que opta pela especialidade.

Saiba mais sobre a especialização em Geriatria
Saiba mais sobre a especialização em Geriatria

O que é a Geriatria?

A Geriatria é uma área associada ao tratamento de enfermidades relacionadas ao comportamento do organismo em uma fase específica, nesse caso, a do envelhecimento. 

Com o avanço da idade, as pessoas apresentam maior suscetibilidade a algumas enfermidades e outras complicações. Por isso, a área tem como principal foco cuidar das incapacidades do idoso. Sendo assim, é especialidade que atua no tratamento, na reabilitação e nos cuidados paliativos.

O especialista na área, conhecido como médico-geriatra, utiliza abordagens clínicas e práticas para analisar aspectos físico e psicológicos dos pacientes, atuando juntamente à equipe multidisciplinar de uma instituição, formada por profissionais de diferentes áreas.

A especialidade é essencial para promover a longevidade e oferecer o tratamento paliativo adequado para pacientes com doenças sem cura. Portanto, o paciente geriátrico recebe todo o apoio e cuidado adequado para doenças terminais.

Gerontologia

O termo refere-se ao estudo do envelhecimento do ser humano, por isso, a Geriatria é integrada nesse campo científico. O profissional de Gerontologia propõe intervenções e métodos de prevenção relacionados a questões associadas ao avanço da idade.

Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia

A SBGG (Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia) é uma entidade sem fins lucrativos que tem como principal objetivo unir a categoria de profissionais e entusiastas das duas áreas, promovendo o estímulo ao conhecimento científico e desenvolvendo a capacitação profissional dos membros.

Entretanto, para se tornar um associado da SBGG, é necessário possuir alguns pré-requisitos estabelecidos pela associação, como certificação ao nível superior, registro no conselho profissional da categoria de formação e cadastro na seção da instituição de sua localização.

Além disso, a SBGG é filiada à AMB (Associação Médica Brasileira), que tem como intuito assegurar a integridade dos médicos profissionais de todo o país. Outra função importante da organização é estabelecer o controle da qualidade do ensino de Medicina no Brasil e promover um aprendizado aprimorado.

Especialização em Geriatria

As alterações no organismo associadas especificamente ao envelhecimento exigem um estudo avançado para garantir os objetivos da área. Por isso, a especialização em Geriatria é extremamente necessária, ainda mais por conta do alto grau de dependência que os pacientes exigem ao longo do tempo.

No entanto, a área faz parte do grupo de especialidades que exigem pré-requisitos. Assim, o profissional que deseja ingressar na residência médica dessa especialização deve possuir o título de formação em clínica médica. O curso tem duração máxima de dois anos, abordando as principais práticas e conhecimentos do campo de formação.

Uma grande vantagem para quem decide se especializar na área é o fato da especialidade ser descentralizada, visto que a grande concentração de profissionais está localizada na região Sudeste, o que se apresenta como uma boa oportunidade para médicos que gostariam de atuar em outros estados.

Com o envelhecimento da sociedade, é comum que a procura por médico-geriatra por parte de instituições de saúde cresça exponencialmente, uma vez que precisam de profissionais que não só conheçam os aspectos básicos para os cuidados de saúde das pessoas, mas principalmente práticas específicas relacionadas aos idosos.

Como ingressar na residência médica de Geriatria?

A graduação é importante para decidir a especialidade que um profissional deseja seguir como carreira, por isso, é fundamental planejar e observar as principais particularidades da área. Nesse caso, é indispensável estar por dentro da rotina do geriatra e preparado para atender aos diferentes tipos de pacientes.

Geralmente, as principais instituições que abrem vagas para a especialidade em questão dispõem de uma prova teórica e uma fase de entrevista. Em alguns casos, os concursos possuem prova prática, em que o candidato exibe os conhecimentos adquiridos até então.

A preparação para todas as etapas é essencial para garantir a aprovação. Lembre-se de que a especialidade requer uma formação prévia na área de clínica médica. Atente-se aos detalhes descritos nos editais de cada concurso para brilhar nas provas e dar um passo adiante na especialização.

Conte com a nossa ajuda!

Sabemos que a jornada para aprovação nas principais instituições não é uma tarefa fácil para quem segue a carreira médica. Por isso, ajudamos você a ingressar em diversas especialidades de residência médica, como a Geriatria, por meio de nossos cursos preparatórios e materiais disponibilizados para sua consulta.

Portanto, não deixe de acessar os nossos canais e conhecer nossas principais soluções para ingressar na instituição desejada. Nosso método de aprendizado é feito por quem também já passou por essa etapa e pretende facilitar sua preparação!

Ah, e se você quer saber ainda mais sobre o assunto, é bom dar uma olhada no podcast Finalmente Residente. Nele, recebemos convidados que falam sobre suas vivências nas mais variadas residências e instituições do país!

O mais interessante nisso tudo é que você pode ouvir a voz da experiência e conhecer os principais aspectos dessa etapa por meio de quem vive (ou viveu) com afinco a vida de residente. A Gabriela Leopoldo, por exemplo, contou um pouco pra gente sobre a residência em Geriatria na Unifesp. Ele é fera, então, corre lá pra conferir!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
MarcosMarangoni Junior

Marcos Marangoni Junior

Paulistano nato, criado nas ruas do Ipiranga, médico ginecologista e obstetra formado na UNICAMP, mestrando em Saúde Reprodutiva pela UNICAMP, e professor da Gineco-Obstetrícia da Medway. Só nasce grande filhote de monstro.