Carregando

Quais são as notas de corte das principais provas de título?

Você sabe quais são as notas de corte das provas de título de Medicina? Se não, é hora de aprender! Esse tipo de exame concede ao profissional o título de especialista, e é realizado pelas associações médicas das principais especialidades.

Para fazer a prova, é preciso preencher alguns pré-requisitos importantes. Como, por exemplo, apresentar CRM definitivo, ter concluído residência médica, contar com curso de pós-graduação no currículo, entre outros. De associação para associação, a lista pode mudar um pouco, mas na essência, a proposta é essa.

Normalmente, as provas são compostas por diferentes etapas. E a nota de corte, por sua vez, são definidas pelos próprios editais. Quer ver como funciona? Conheça, a seguir, o esquema de três provas de título importantes.

Confira qual é a nota de corte das principais provas de título!
Confira quais são as notas de corte das principais provas de título!

Prova de Título de Dermatologia (TED)

A prova de título de Dermatologia (TED) é realizada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, a SBD. Primeiro, o candidato precisa encarar uma prova teórica de caráter eliminatório. Ela conta com 90 questões objetivas, com 4 alternativas cada, e apenas uma correta.

Aqui, a nota de corte é relativa ao mínimo de questões certas: 48, ou seja, para ir para a segunda etapa é fundamental acertar pelo menos 60% da prova. Com essa classificação, o candidato vai para a segunda etapa, que consiste em uma prova teórico-prática.

Por lá, responde a 40 questões com 4 alternativas e apenas uma opção correta. Mais uma vez, para seguir adiante é essencial acertar 60% da prova, ou seja, 24 questões. São avaliados conhecimentos clínicos, cirúrgicos, laboratoriais, entre outros, dentro da área da Dermatologia.

E pronto! Com a soma dessa aprovação, o candidato obtém seu título de especialista. Normalmente, o processo conta apenas com essas fases, mas quando algum detalhe muda, é anunciado em edital.

Prova de Título de Anestesiologia (TEA)

Não dá para falar das notas de corte das provas de título sem passar pela TEA, exame destinado para a especialidade de Anestesiologia. Ela é desenvolvida e aplicada pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia, a SBA.

Para realizar a prova, além das exigências e comprovações de documentos, o candidato precisa participar de um treinamento prático de anestesia. E completar, no mínimo 440 atos anestésicos e 900 horas anuais. Em seguida, poderá fazer a prova teórica, que é realizada anualmente e tem a média igual ou maior que 6 para aprovação.

O candidato ainda precisa encarar testes de habilidades e avaliações comportamentais para conseguir tirar seu título. Essa é considerada uma das provas mais difíceis quando se trata de especialidades médicas. Não apenas pelo nível de dificuldade, mas por tudo o que os profissionais devem fazer para conquistar a aprovação.

Prova de Título de Ortopedia e Traumatologia (TEOT)

Já a prova de título de Ortopedia e Traumatologia é aplicada pela SBOT, Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. É composta por 100 questões de múltipla escolha, e os candidatos têm 4 horas para realização do exame.

Para ser classificado, é exigido 50% de acerto, sendo assim, acerto em 50 dessas 100 questões. O aprovado enfrenta também uma prova prática, em que precisa analisar algumas situações clínicas referentes à especialidade.

Mas não é só isso! Ainda existe uma prova de habilidades, com 10 situações práticas sobre Ortopedia e Traumatologia, e duração de 45 minutos. Esse é o momento em que conhecimentos cirúrgicos e habilidade manual serão avaliados.

Por fim, quem apresenta um trabalho científico que atenda a determinados critérios pode agregar pontos extras ao total obtido para aprovação. São aprovados no exame os candidatos que obtiverem nota final igual ou superior a 6 pontos e atingirem, no mínimo, 50% de acertos em cada uma das provas.

Pronto, agora você sabe tudo sobre a nota de corte das provas de título!

É isso aí! Agora você está por dentro das notas de corte das provas de título. A parada é mesmo um pouco diferente das notas de programas de residência, mas dão um bom norte para que você foque em seu preparo e desempenho.

Gostou de aprender mais sobre esse assunto? A gente tem muito mais informações e novidades para você. Assine a nossa newsletter e receba tudo diretamente no seu e-mail!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
DjonMachado

Djon Machado

Catarinense e médico desde 2015, Djon é formado pela UFSC, fez residência em Clínica Médica na Unicamp e faz parte do time de Medicina Preventiva da Medway. É fissurado por didática e pela criação de novas formas de enxergar a medicina.