Carregando

Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE): Saiba mais!

Você sabe o que a Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE) faz? Como essa é uma especialidade relativamente recente no Brasil, iniciada somente na década de 1990, a instituição surgiu como ponto de apoio e qualificação para o atendimento de emergência.

Passou a oferecer jornadas, simpósios e cursos que se dedicavam a ensinar práticas de emergência. Mas na medida em que a área começou a ganhar mais espaço e reconhecimento, seu trabalho se intensificou para atender melhor às necessidades dos médicos associados e, consequentemente, da população.

Pensa em seguir por essa área na residência médica? Então vale a pena aprender mais sobre a Associação Brasileira de Medicina de Emergência e descobrir o que ela oferece para a sua carreira, como se associar e vários outros detalhes superinteressantes!

Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE): Saiba mais!
Saiba mais sobre a Associação Brasileira de Medicina de Emergência (ABRAMEDE)

A Associação Brasileira de Medicina de Emergência

Em 1998, pouco tempo depois da implementação do SAMU no Brasil e da primeira residência médica em Medicina de Emergência do Brasil, surgiu a SOCEMU (Sociedade Cearense de Medicina de Urgência). Seu objetivo era buscar melhores condições de trabalho para os profissionais da área.

Mais tarde, outras instituições surgiram para apoiar a classe: a SOBRAMEDE (Sociedade Brasileira de Medicina de Emergência) e a Associação de Medicina de Emergência do RS – AMERS, são alguns exemplos. Entretanto, elas não conseguiram incentivo institucional e governamental. Por isso, se juntaram e se transformaram na Associação Brasileira de Medicina de Emergência, a ABRAMEDE.

Em 2007, a associação realizou o primeiro Congresso Brasileiro de Medicina de Emergência. Depois dele, uma série de eventos de aperfeiçoamento e desenvolvimento começaram a acontecer com mais frequência, além de outras atividades promovidas pela associação, o que comprova seu constante crescimento e sua contribuição para a formação continuada dos médicos emergencistas.

Como se associar à ABRAMEDE

Para se associar à ABRAMEDE, é muito simples. Basta acessar o site da associação, criar sua conta, preencher o formulário e fazer os envios de documentação que serão solicitados.

Podem se credenciar médicos, residentes, estudantes de Medicina e outros profissionais da área da saúde. Depois da análise de dados e devida aprovação, os associados passam a ter acesso a benefícios como:

  • descontos para eventos, congressos e cursos da ABRAMEDE;
  • descontos na inscrição para a Prova de Título de Medicina de Emergência;
  • descontos para eventos de parceiros da associação;
  • descontos de 20% na loja virtual ABRAMEDE;
  • conteúdo exclusivo no site, e muito mais.

O que faz a ABRAMEDE

E na prática, o que faz a Associação Brasileira de Medicina de Emergência? Confira, a seguir, algumas das atividades executadas por ela e como elas afetam o trabalho dos profissionais associados.

Serviços do conselho

A ABRAMEDE conta com uma série de comissões estratégias desenvolvidas para aprimorar a atuação de seus médicos. Eles podem recorrer a elas diante de alguma necessidade, participarem de missões que desenvolvem, ou utilizarem os recursos que são oferecidos.

Publicações

A associação ainda é responsável por uma das principais e maiores publicações da área: o Jornal Brasileiro de Medicina de Emergência. Todos os associados e pesquisadores interessados podem submeter seus artigos para aprovação e contribuírem para o desenvolvimento da especialidade.

Eventos da Associação Brasileira de Medicina de Emergência

A ABRAMEDE está à frente de uma série de eventos importantes, a começar pelo Congresso Brasileiro de Medicina de Emergência. Essa oportunidade reúne profissionais de todo o país em palestras, mostras, troca de experiências, workshops e muito mais.

Além disso, promove também outros congressos, está na terceira edição do SUMMIT ABRAMEDE e faz parceria com outras instituições e eventos. Dessa maneira, os associados podem se manter em constante atualização e podem investir pesado em educação continuada.

Título de especialista na ABRAMEDE

Todo ano, a Associação Brasileira de Medicina de Emergência abre edital para profissionais interessados no título de especialista, em convênio com a AMB. As inscrições e deliberações são publicadas pelo próprio site da instituição.

O concurso consiste em três etapas. A primeira é uma prova objetiva, enquanto a segunda envolve a análise curricular. Por último, é preciso encarar uma prova prática. O processo seletivo é bastante exigente.

Para realizá-lo, o candidato precisa também enviar documentos que comprovem sua formação. A residência médica, inclusive, é um pré-requisito para quem deseja obter essa titulação.

A residência em Medicina de Emergência

A residência em Medicina de Emergência tem a duração de 3 anos e é de acesso direto. Ao longo do programa, o residente se qualifica para atendimento de situações clínicas e traumáticas agudas da população.

Além disso, é possível encarar várias experiências em cirurgias, pré-natal, UTI, e atuar de forma multidisciplinar junto a especialidades como Ortopedia, Pediatria, Anestesiologia, Clínica Médica, entre outras. A atuação em pronto-socorro e plantões é uma realidade, e os fluxos costumam ser bastante intensos.

Além das atividades práticas, o residente também se dedica a atividades teóricas. Participa de aulas, discussões de caso, eventos e tem total incentivo para desenvolver pesquisas acadêmicas e publicá-las.

Como a Medicina de Emergência é uma área mais recente em comparação a outras, há sempre muitas novidades a todo o momento. O que é excelente para os médicos em formação, que podem aprender de acordo com as últimas novidades do mercado e acompanhar de perto a evolução de diagnósticos e tratamentos.

Curtiu saber mais sobre a Associação Brasileira de Medicina de Emergência?

E aí, curtiu saber mais sobre a Associação Brasileira de Medicina de Emergência e quer ter uma ideia mais aprofundada sobre o que rola na residência na prática? A gente já falou sobre como é a residência em Medicina de Emergência na USP e na Unicamp, além de mostrar um pouco mais sobre as instituições de São Paulo mais buscadas para quem quer essa especialidade. Vale a pena conferir!

E aí, curtiu saber um pouco mais sobre a Associação Brasileira de Medicina de Emergência, a ABRAMEDE, e o que ela faz? Se você quer se tornar um médico emergencista, pode ter certeza de que ter o título de especialista da associação e aproveitar os eventos e benefícios que ela oferece são ótimas maneiras de ter um currículo cada vez mais completo.

Mas como você viu, a realidade desse profissional envolve um monte de plantões. E dá para se preparar bem para esses momentos com a Medway, sabia? É isso mesmo! Saiba mais sobre o PSMedway e veja como o curso pode ajudar você a dominar urgências, emergências e demandas de porta para dar um plantão muito mais tranquilo.

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
Ana KarolineBittencourt Alves

Ana Karoline Bittencourt Alves

Catarinense nascida em 1995, criada em Imbituba e apaixonada por uma praia. Formada pela Universidade Federal de Santa Catarina em 2018, com residência em Clínica Médica pela Universidade de São Paulo (USP-SP 2019-2021) e professora de Clínica na Medway. "Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua produção ou a sua construção. Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender" - Paulo Freire.