Carregando

Os 2 hospitais mais concorridos para fazer residência em Neurologia no SUS-SP

Quase todos os dias, nós aqui da Medway recebemos mensagens de alunos do 5° ou 6° anos de Medicina preocupados com o fato de ainda não terem feito a escolha da residência para a qual vão prestar. Outras vezes, o problema é não saber onde. Nós sempre ressaltamos a importância de separar um tempinho para pensar e se fazer perguntas na hora de pesar essas escolhas. Também tentamos ajudar falando das instituições mais buscadas para diversas residências, incluindo Neurologia. Se você já deu uma conferida lá e decidiu que vai optar pela residência em Neurologia no SUS-SP, aí surge outra escolha: qual instituição priorizar no famoso leilão de vagas?

No caso de Neurologia, você pode ficar indeciso entre duas opções apenas, mas isso não quer dizer que o leilão de vagas para essa especialidade é dos mais fáceis, pois, como já explicamos aqui no blog, ele é baseado na classificação dos candidatos. Nesta edição do processo seletivo estão sendo oferecidas, ao todo 10 vagas (3 oferecidas pela Secretaria de Estado da Saúde e 7 oferecidas pelas próprias instituições e também selecionadas pelo processo seletivo do SUS-SP), cada uma delas concorrida por cerca de 20,4 candidatos!

Mesmo assim, não dá para desanimar e desistir. Estudando da forma correta, é perfeitamente possível se sair bem e ter o privilégio de escolher onde se especializar. 

Pronto para conhecer um pouco mais dos 2 hospitais mais concorridos para fazer residência em Neurologia no SUS-SP? Então bora lá!

Hospital Santa Marcelina

A residência em Neurologia do Hospital Santa Marcelina é uma das mais tradicionais, além de oferecer uma rica experiência prática para os residentes — não só os de Neurologia, aliás. A qualidade das atividades desempenhadas por lá é tão alta, que o Hospital Santa Marcelina também aparece entre os hospitais mais concorridos em outras especialidades, como Clínica Médica, Otorrino e GO!

E o que é isso de “tradição” que a gente tanto menciona? Bom, o Hospital Santa Marcelina já acumula quase 60 anos de atuação, e muito médico bom saiu de lá. O hospital é cheio de preceptores bons e reconhecidos em todo o país!

Isso não é para dizer que o Hospital Santa Marcelina fica atrás em tamanho e estrutura tecnológica, também, porque não fica. Estamos falando do principal hospital da zona leste que atende o SUS, e isso não é pouca coisa. Sabia que a zona leste de São Paulo tem uma população maior que todo o Uruguai? Só isso já deve te dar uma ideia de como o papel do Hospital Santa Marcelina é importante!

Hospital Santa Marcelina, um dos mais concorridos para se fazer a residência em Neurologia no SUS-SP

Outro ponto positivo do Hospital Santa Marcelina para quem quer fazer residência em Neurologia no SUS-SP é o fato de ele oferecer uma formação completa, pois permite uma proximidade grande de residentes de outras especialidades clínicas. Ou seja: você pega mão e aprende muito, inclusive na parte teórica e acadêmica, que também é forte lá.

Mas nem tudo são flores, e é sempre bom lembrar que a localização do Hospital Santa Marcelina pode ser um problema para alguns candidatos à residência em Neurologia no SUS-SP, afinal, a distância de Itaquera para o centro e outras regiões importantes da capital às vezes não é negligenciável. Leve isso em conta na hora da sua escolha!

O Hospital Santa Marcelina oferece, para a residência em Neurologia, que dura 3 anos, 8 vagas: 3 por meio da Secretaria de Estado de Saúde, além de 5 oferecidas pela própria instituição, que também entram no processo seletivo de residência médica do SUS-SP.

Hospital São Joaquim – Beneficência Portuguesa de São Paulo

Também da zona leste, embora dessa vez localizado na região da Penha, o Complexo Hospitalar da Beneficência Portuguesa também é muito desejado por quem busca a aprovação na residência em Neurologia no SUS-SP.

Com mais de 100 mil m², a Beneficência Portuguesa é um dos maiores hospitais privados da América Latina, sendo referenciado como um dos mais avançados centros de saúde do Brasil.

Não é por menos: além da infraestrutura completa, a Beneficência Portuguesa conta com um renomado corpo clínico que atende quase 2 milhões de pacientes por ano, assistidos em mais de 50 especialidades, com destaque para a Cardiologia, Neurologia, Ortopedia e Oncologia.

Hospital Beneficência Portuguesa, outro hospital onde muita gente deseja fazer a residência em Neurologia no SUS-SP

O Hospital também possui pronto-socorro moderno, com mais de 30 leitos de observação, 6 UTIs e 5 leitos de isolamento que tratam mais de 10 mil pacientes ao mês!

Além da estrutura, também não dá pra deixar de lado a localização do hospital, que é bem próximo a vias importantes da capital, um ponto que também pesa bastante na escolha de quem vai ser residente.

Se surgiu aquele interesse, já fica o informe: a Beneficência Portuguesa oferece, para a residência em Neurologia, 2 vagas.

E aí, te ajudamos a decidir onde fazer residência em Neurologia no SUS-SP?

Gostou de saber mais sobre os hospitais para fazer residência em Neurologia no SUS-SP? Agora é hora de pesar os prós e contras para chegar decidido no leilão de vagas! Independente da sua escolha, em todos eles você vai ter uma preparação de excelência para se tornar um bom médico neurologista. Aproveita pra dar uma olhada no nosso artigo sobre quanto ganha um neurologista!

Está mirando o processo seletivo do SUS-SP 2022? Como você sabe, a prova de residência médica do SUS-SP tem apenas uma fase, composta de uma prova teórica objetiva de múltipla escolha. Ou seja, você só vai ter uma chance de mostrar a que veio, hein? Baixe o nosso Guia Estatístico gratuito e descubra quais são os 6 focos mais cobrados em cada grande área para direcionar seus estudos para essa prova!

Até a próxima!

Receba conteúdos exclusivos!

Telegram
AlexandreRemor

Alexandre Remor

Nascido em 1991, em Florianópolis, formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e com Residência em Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da FMUSP (HC-FMUSP) e Residência em Administração em Saúde no Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). Fanático por novos aprendizados, empreendedorismo e administração.